Bilirrubina

Adriel Soares
Mind Map by Adriel Soares, updated more than 1 year ago
Adriel Soares
Created by Adriel Soares over 5 years ago
304
3

Description

Mapa conceitual PM4

Resource summary

Bilirrubina
1 Quais os tipos?
1.1 Direta
1.1.1 Qual seu destino?
1.1.1.1 Depois da secreção pelas vias biliares, no intestino grosso, é transformada em urobilinas e estercobilinas que são responsáveis pela coloração das fezes. Sendo que parte das urobilinas e reabsorvida e secretada na urina
1.2 Indireta
1.2.1 Como é formada?
1.2.1.1 A hemoglobina é degrada e uma dos produtos é a biliverdina, que também degradada forma a bilirrubina indireta
1.2.1.1.1 Como é transportada?
1.2.1.1.1.1 É transportada ligada a albumina por ser hidrofóbica
1.2.1.1.1.1.1 Para onde é transportada?
1.2.1.1.1.1.1.1 Fígado
1.2.1.1.1.1.1.1.1 O que ocorre no fígado?
1.2.1.1.1.1.1.1.1.1 O fígado tem um papel central no metabolismo e excreção da bilirrubina. A bilirrubina não conjugada é captada pelos hepatócitos, que adicionam 2 moléculas de ácido glicurônico à bilirrubina por molécula, tornando-a hidrossolúvel. Esta forma, dita conjugada ou direta, é secretada ativamente pelos hepatócitos para o interior dos canalículos biliares existentes entre eles. É a forma encontrada na bile.
2 Seu aumento sérico causa?
2.1 ICTERÍCIA
2.1.1 Como é descrita?
2.1.1.1 Amarelamento das conjuntivas, mucosas e pele
2.1.2 Como é sua classificação?
2.1.2.1 Pré-hepática ou hemolítica (aumento de bilirrubina indireta)
2.1.2.2 Hepática ou por lesão hepatocelular (aumento de bilirrubina direta)
2.1.2.3 Pós-hepática ou colestática (aumento de bilirrubina direta)
2.1.3 Quais os sintomas relacionados?
2.1.3.1 Acolia fecal
2.1.3.1.1 O que indica?
2.1.3.1.1.1 Deficiência de excreção de bilirrubina para o intestino. Em casos de obstrução completa as fezes tornam-se acólicas. O urobilinogênio fecal e o urinário não são detectados. Acolia persistente sugere obstrução biliar extra-hepática.
2.1.3.2 Colúria
2.1.3.2.1 O que indica?
2.1.3.2.1.1 Presença de pigmento biliar (bilirrubina conjugada) na urina; indica que a doença provoca hiperbilirrubinemia as custas da fração conjugada.
2.1.3.3 Anemia
2.1.3.4 Prurido
2.1.3.5 Perda de peso
2.1.3.6 Manifestações de insuficiência hepática: aranhas vasculares, eritema palmar, diminuição dos pelos, atrofia testicular, ginecomastia, distúrbios da coagulação (sangramentos), hálito hepático, encefalopatia hepática
2.1.3.7 Manifestações de hipertensão portal: circulação colateral portossistêmica, esplenomegalia e ascite.
2.1.3.8 Edema periférico: pode ser manifestação de hipoalbuminemia que acompanha as hepatopatias graves, nesses casos, o edema é frio, depressível e indolor
2.1.4 Quais os exames importantes para investigação etiológica?
2.1.4.1 Laboratoriais
2.1.4.1.1 Hemograma, TGO/TGP, BT, BI, BD, AgHBs, IgM Anti-HBc, Anti-HCV
2.1.4.2 Imagem
2.1.4.2.1 Ultrassom, TC
Show full summary Hide full summary

Similar

FÍGADO
cida siebra
Semiologia Medica I
Jeferson Da Silva
cx geral
Beatriz Gil
LEPTOSPIROSE
Nivea Alves
Figado
cida siebra
Síndrome Nefrotica
Magliani Machado
Divisas y Tipos de Cambio
Gustavo Ruiz Bartolo
DESARROLLO FÍSICO Y COGNOSCITIVO EN LA NIÑEZ MEDIA
ALEJANDRA HERRERA VELEZ
INTERNET
Mónica Zetina
LINEA DEL TIEMPO DE LA EVOLUCION DEL MICROSCOPIO
Joaquin Calderon
Mapa Mental para Resumir y Conectar Ideas
Elizabeth Ortega