Capitulo 2 !!

juliamsie
Mind Map by juliamsie, updated more than 1 year ago
juliamsie
Created by juliamsie almost 5 years ago
3
0

Description

Artigos 175 ao 180
Tags

Resource summary

CAPÍTULO II DO EXAME DO CORPO DE DELITO, E DAS PERÍCIAS EM GERAL
1 Art. 175. Serão sujeitos a exame os instrumentos empregados para a prática da infração, a fim de se Ihes verificar a natureza e a eficiência.
1.1 Instrumentos: são os objetos que servem de agente mecânico para a realização do crime. Ex.: revólver, faca, pedaço de madeira, estilete, entre outros.
1.2 Natureza e eficiência: natureza significa estabelecer a espécie e a qualidade. Eficiência quer dizer a verificação de sua força ou eficácia para produzir determinado resultado.
2 Art. 176. A autoridade e as partes poderão formular quesitos até o ato da diligência.
2.1 As partes e o juiz podem encaminhar perguntas (quesitos) aos peritos até o momento em que a diligência se realize.
3 Art. 177. No exame por precatória, a nomeação dos peritos far-se-á no juízo deprecado. Havendo, porém, no caso de ação privada, acordo das partes, essa nomeação poderá ser feita pelo juiz deprecante. Parágrafo único. Os quesitos do juiz e das partes serão transcritos na precatória.
3.1 Exame por precatória: todo o exame pericial, cujo objeto ou material a ser analisado se encontre em Comarca diversa daquela onde se situa a autoridade policial ou o juiz
4 Art. 178. No caso do art. 159, o exame será requisitado pela autoridade ao diretor da repartição, juntando-se ao processo o laudo assinado pelos peritos.
4.1 Órgão encarregado das perícias oficiais: pode haver, em cada Estado, um órgão especializado, cujo encargo é a realização de perícias oficiais. Divide-se, fundamentalmente, em dois organismos: Instituto de Criminalística e Instituto Médico- Legal.
4.1.1 O Instituto de Criminalística estrutura-se em: a) centro de perícia, b) centro de exames, análises e pesquisas, c) núcleo de apoio logístico. O Instituto médico-legal estrutura-se em: a) centro de perícias; b) centro de exames, análises e pesquisas, c) núcleo de apoio logístico,
5 Art. 179. No caso do § 1o do art. 159, o escrivão lavrará o auto respectivo, que será assinado pelos peritos e, se presente ao exame, também pela autoridade. Parágrafo único. No caso do art. 160, parágrafo único, o laudo, que poderá ser datilografado, será subscrito e rubricado em suas folhas por todos os peritos.
6 Art. 180. Se houver divergência entre os peritos, serão consignadas no auto do exame as declarações e respostas de um e de outro, ou cada um redigirá separadamente o seu laudo, e a autoridade nomeará um terceiro; se este divergir de ambos, a autoridade poderá mandar proceder a novo exame por outros peritos.
6.1 Divergência entre peritos: quando houver, faculta-se que apresentem, no mesmo laudo, as suas opiniões em seções diferenciadas e com respostas separadas aos quesitos ou, caso prefiram, elabore cada qual o seu laudo. O magistrado pode nomear um terceiro, chamado perito desempatador.
Show full summary Hide full summary

Similar

Music symbols
Sarah Egan
GCSE Combined Science
Derek Cumberbatch
Get your grammar right!
Sarah Holmes
Criminalistica
Ayelen Caballero
Primera Guerra Mundial
Elias Ortega
ARCO REFLEJO
Alejandra Garcia
TIPOS DE TECNOLOGÍA
Danna Valentina Martinez Romero
PLANIFICACIÓN ESTRATÉGICA
Carmen Elena Perez Fernandez
Estado e Relaçao de Poder
Adeildoethatiane Silva
MAPA CONCEPTUAL DE POLITICAS PUBLICAS
mica mksssad
Tipos de almacenamiento
Cristian Gutierrez