Please wait - loading…

Ronald Dworkin

Description

Teoria de Ronald Dworkin
Victória Barbier
Mind Map by Victória Barbier, updated more than 1 year ago
Victória Barbier
Created by Victória Barbier over 6 years ago
60
1

Resource summary

Ronald Dworkin
  1. Ordenamento Jurídico= REGRAS E PRINCÍPIOS
    1. Há princípios jurídicos e princípios políticos
      1. Ele era a favor da integridade do direito, "Levando o direito a sério", e só assim levaria a segurança jurídica
    2. Regras e Princípios possuem estruturas lógicas distintas
      1. REGRAS
        1. São aplicadas na maneira do TUDO-OU-NADA. Ou a regra é válida, é tudo, tem que ser cumprida. Ou é nada, não tem que ser aplicada, inválida, excluída do ordenamento
          1. É possível enumerar todas as exceções de uma regra, tem um caráter de INCLUIR E EXCLUIR
            1. SE ocorrer algo previsto no seu texto, ENTÃO se dá a consequência jurídica prevista (SE,ENTÃO). Caso ocorra o suporte fático haverá a consequência
            2. PRINCÍPIOS
              1. Dimensão do peso ou importância. Alguns princípios prevalecem em relação a outros, mas não podemos dizer que se mudássemos o caso concreto continuaria assim. Ou seja, o grau de importância é determinado pelo fato tangível
                1. E isso não quer dizer que o princípio será excluído, como na ideia das regras
                2. Um princípio não é exceção do outro, não são inumeráveis
                  1. A relação condicional "se, então" não existe nos princípios, e não conduzem a uma única decisão jurídica, a depender do contexto que o mesmo foi aplicado.
                3. Uma boa interpretação jurídica repousa na melhor interpretação moral das normas da comunidade
                  1. É um combate ao positivismo jurídico de Hebert Hart - O direito era baseado tão somente em regras, com a textura "aberta" das mesmas (oriunda da linguagem e suas formas de interpretação) o magistrado criava o direito a partir da interpretação, decidindo casos de diferentes maneiras, e ainda aqeueles que não haviam regulações (discricionariedade).
                    1. Para Dworkin, o direito NUNCA poderia ser discricionário
                    Show full summary Hide full summary

                    Similar

                    Normas, princípios e regras
                    Rafael Ferreira da Silva
                    Normas de AuditoriaGovernamental (NAG) - Série 1000 e 2000
                    Alynne Saraiva
                    Robert Alexy
                    Victória Barbier
                    01 D. Adm.: Caderno de Erros
                    Viviana Veloso
                    Distinções Quantitativas das Normas
                    Victória Barbier
                    ÉTICA e CONCEITOS
                    Viviana Veloso
                    Regra de Sinais
                    Adenilson Santana
                    Princípios da Administração pública
                    Jay Benedicto
                    Direito Constitucional - Brutal - Tribunais
                    Rômulo Campos
                    Direito Constitucional - Brutal - Tribunais
                    Ana Julia Micheletti
                    Direito Constitucional - Brutal - Tribunais
                    Kevyn Reis