O ROBÔ STEPHEN BYERLEY

Bianca Barbosa
Mind Map by Bianca Barbosa, updated more than 1 year ago
Bianca Barbosa
Created by Bianca Barbosa almost 6 years ago
5
0

Description

Mapa mental sobre a possibilidade de se criar o robô descrito no capítulo 8 do livro "Eu, Robô" de Isaac Asimov, feito para disciplina de Laboratório de Criação do Curso de Design da UFJF

Resource summary

O ROBÔ STEPHEN BYERLEY
  1. O que o livro passa
    1. Aparência
      1. Perfeitamente humana
        1. Homem
          1. 40 anos
            1. Saudável
              1. Sorridente
              2. Componentes
                1. Cérebro Positrônico
                  1. Esqueleto silicoso poroso
                    1. Pele e carne humana
                      1. Criados a partir de óvulos humanos e controle de hormônios
                    2. Funções
                      1. Comportar-se como um ser humano
                        1. Passar-se por humano
                          1. verdadeiro Byerley, chamado John
                          2. Substituir um humano
                          3. Comportamento
                            1. Equilibrado e calculista
                              1. sempre tem argumentos plausíveis para a acusação de que ele é um robô
                            2. Evidências de que ele é um robô
                              1. não se alimenta em público
                                1. não é visto dormindo
                                  1. nunca desrespeita as três leis da robótica
                                2. o que é necessário saber para dar forma
                                  1. possui aparência e comportamentos idênticos ao de um ser humano (robô humanóide);
                                    1. partes robóticas
                                      1. esqueleto
                                        1. cérebro
                                          1. órgãos acessórios
                                            1. podem simular alguns órgãos, se for necessário, como um estômago de emergência
                                          2. partes orgânicas
                                            1. pele
                                              1. músculos
                                                1. alguns órgãos
                                                  1. veias e artérias
                                                    1. fluidos (sangue)
                                                  2. possibilidades
                                                    1. carregamento
                                                      1. pele como receptor solar de energia
                                                      2. estômago de emergência
                                                        1. para situações como a descrita no livro, onde foi preciso comer uma maçã para provar sua “humanidade"
                                                        2. órgãos dos sentidos
                                                          1. olhos e ouvido são orgânicos, porém, visão e audição registram a rotina para o verdadeiro Byerley
                                                          2. órgãos e músculos humanos
                                                            1. funcionam a partir das ordens programadas no cérebro positrônico;
                                                            2. cérebro postrônico
                                                              1. controla todas as funções orgânicas e não orgânicas
                                                              2. funcionamento
                                                                1. energia entra pela pele, cérebro artificial programado, controla as funções comportamentais e motoras
                                                              Show full summary Hide full summary

                                                              Similar

                                                              Design Instrucional
                                                              Ítalo Rangel
                                                              ESTÉTICA
                                                              Robert Rocha
                                                              Você é capaz de diferenciar Art Nouveau de Art Deco no Design de Interiores?
                                                              dellabellacontre
                                                              MusicMe (Fernanda e Alexsandro)
                                                              Fernanda Mallmann
                                                              COLEÇÃO DE JOIAS - TCC MACKENZIE - DESIGN
                                                              Débora Rodrigues Brisighello
                                                              AUTARQUIAS
                                                              kaue daud
                                                              A origem da vida.
                                                              Jenny Silva
                                                              Web Design
                                                              rose.santos8
                                                              MODELAGEM
                                                              Robert Rocha
                                                              DESIGN SOCIAL
                                                              Talita Queiroz
                                                              Revolução no Design
                                                              Guilherme Colla