HEMOSTASIA SECUNDÁRIA

sueniotrindade
Mind Map by , created over 5 years ago

HEMATOLOGIA (HEMOSTASIA) Mind Map on HEMOSTASIA SECUNDÁRIA, created by sueniotrindade on 02/21/2014.

44
0
0
Tags
sueniotrindade
Created by sueniotrindade over 5 years ago
SÍNDROME HEMOLÍTICO-URÊMICA (SHU)
sueniotrindade
PROTEINAS ANTI-COAGULANTES
sueniotrindade
HEPARINAS & VARFARINA
sueniotrindade
World at Risk: Disaster hotspots - the Philippines
Holly Lovering
GCSE REVISION TIMETABLE
gracemiddleton
PURPURA TROMBOCITOPENICA IMUNE IDIOPÁTICA
sueniotrindade
ANEMIA MEGALOBLÁSTICA
sueniotrindade
ANEMIA FALCIFORME
sueniotrindade
Hematologia
Jéssica Aline Alves
HEMOSTASIA SECUNDÁRIA
1 VIA INTRINSECA
1.1 1- calicreina ativa o fator 12
1.2 fator 12 ativa mais calicreina (amplificação)
1.3 fator 12 ativa fator 11 que ativa o fator 9
1.4 agora vamos para as reações finais da via intrinseca
1.5 ocorre sobre a superficie plaquetária - fator 3 (tromboplastina parcial)
1.6 fator 9 na presença do fator 8 ativado + cálcio ionizado --> ativa o fator 10
2 VIA EXTRINSECA
2.1 fator 7 + elementos da parede lesada - ativado
2.2 fator 7 + calcio ionizado - ativa o fator 10
2.3 o fator 7 também ativa o fator 9 da via intrinseca
3 VIA COMUM
3.1 FATOR 10 na presença do fator 5 = vai transformar protrombina em trombina
3.2 trombina = tira fibrina do fibrinogenio (fator 1)
3.3 trombina também ajuda a ativar o fator 8, 9, fator 5
3.4 trombina vai na via intrinseca - promove ativacao da plaqueta aderida
3.5 a fibrina faz uma malha sobre o tampão plaquetário
3.6 fator 13 - age sobre a malha dando mais consistencia
4 DEFICIENCIAS
4.1 VIA INTRINSECA
4.1.1 DEFICIENCIA DO FATOR 9 - HEMOFILIA B
4.1.2 DEFICIENCIA NO FATOR 8 - HEMOFILIA A (mais comum que B)
4.1.3 NÃO TEM SANGRAMENTO DE FORMA PATOLÓGICA
4.2 VIA EXTRINSECA
4.3 VIA COMUM
4.3.1 DEFICIENCIA DO FATOR 13
4.3.1.1 SANGRAMENTO PATOLÓGICO
4.4 CLINICA
4.4.1 SANGRAMENTO PARA CAVIDADES
4.4.1.1 hemorragia retroperitoneal
4.4.1.2 hemoartrose
4.4.1.3 hematoma
4.4.1.4 sangramento para orofaringe
4.4.1.5 cadeira do dentista
4.4.1.5.1 arranca um dente
4.4.1.5.2 forma um tampão plaquetário
4.4.1.5.3 sem fibrina --> 12 horas depois sangramento intenso
4.4.1.5.4 pode levar a choque
4.5 LABORATORIO
4.5.1 PTTa
4.5.1.1 coloco no tubo tromboplastina e disparo com calcio
4.5.1.1.1 coagulação em 25-30 segundos - laboratorio
4.5.2 tempo de atividade da protrombina (TAP)
4.5.2.1 laboratorio - 10-13 segundos
4.5.3 RNI = TP paciente/TP controle
4.5.3.1 normal - 1
4.5.3.2 RNI - 2,3 - quero que a coagulacoa demore o dobro ou triplo do tempo
4.5.4 Tempo de Trombina
4.5.4.1 tempo de conversao fibrinogenio--> fibrina
4.5.4.2 CIVD - pouco fibrinogenio - logo TT aumentado

Media attachments