Conhecimento no Pensamento Moderno - Anotações

Daniel Vieira Inácio
Flashcards by Daniel Vieira Inácio, updated more than 1 year ago
Daniel Vieira Inácio
Created by Daniel Vieira Inácio almost 6 years ago
435
1

Description

Anotações sobre o desenvolvimento da filosofia moderna.

Resource summary

Question Answer
RENASCIMENTO Séculos XIV ao XVI
O pensamento medieval era muito rico, porém, seus estudos estavam vinculados à religião. No século XV, com o renascimento, há renovação no pensamento ... sobre CONHECIMENTO, sobre POLÍTICA e sobre ÉTICA. Focado em uma perspectiva humanista, sem depender de um vínculo com Deus.
O período histórico conhecido como Modernidade começa em qual século? Século XVI
Os pensadores buscavam alternativas à metafísica. Os "filósofos naturais" (físicos) estavam criando as bases para uma nova forma de fazer "ciência", fundamentando suas afirmações na ... NA EXPERIMENTAÇÃO E NA MATEMATIZAÇÃO
Epistemologia é... O campo de estudo voltado para o próprio conhecimento. Busca entender como os homens têm feito (e fizeram) ciência e avalia esses projetos.
SÉCULO XVII Virada Epistemológica Busca dos fundamentos do conhecimento. São questões filosóficas da época: "O conhecimento da verdade é possível?" "Qual a origem do conhecimento?" "Como ele se forma em nós?" "Como fundamentá-lo diante do ceticismo?"
QUESTÃO 1 O conhecimento é possível? Três caminhos para responder essa pergunta ... Dogmatismo, Ceticismo e Criticismo.
Dogmatismo Crença de que a razão é capaz de alcançar conhecimentos verdadeiros.
Ceticismo Defende que a razão não tem condições de comprovar uma verdade absoluta.
Criticismo Defende que a razão pode e deve, ao menos, examinar a sua capacidade e suas possibilidades na busca pela verdade. Ou seja, antes de buscar verdades, deve analisar suas possibilidades de alcançá-las.
QUESTÃO 2 Qual a origem do conhecimento? [Entre OBJETIVIDADE e SUBJETIVIDADE] Os RACIONALISTAS buscaram fundamentos no sujeito do conhecimento. Os EMPIRISTAS buscaram fundamentos no objeto do conhecimento.
SUBJETIVIDADE e SUBJETIVO referem-se: Ao sujeito conhecedor (a consciência). Ao que pertence ao sujeito. Ao que se fundamenta no sujeito. Por exemplo, quando o sujeito interpreta o que percebe.
OBJETIVIDADE e OBJETIVO Referem-se: Ao objeto conhecido (a coisa). Às características do objeto. Ao que se fundamenta no objeto. Características que não dependem da avaliação ou do pensamento do sujeito.
O conhecimento estaria representado em nossa memória. Um conhecimento seria uma REPRESENTAÇÃO. As representações são: Os dados que a sensibilidade recolhe do mundo. Imagens sensíveis, que chegam aos nossos sentidos, e são acumulados na nossa memória. As informações recolhidas na memória.
Para os EMPIRISTAS na relação entre sujeito (consciência) e objeto (coisa) ... Os objetos se revelariam ao sujeito cognoscente (a consciência). A consciência (sujeito) receberia os dados da experiência, acumulando-os na memória e formando o conhecimento.
Para os RACIONALISTAS na relação entre sujeito (consciência) e objeto (coisa) ... O sujeito (consciência) é ativo ao observar o objeto: ele interpreta o objeto. Dessa forma, o conhecimento verdadeiro, seria aquele que mostra as formas que a razão usa para interpretar os objetos.
Uma coisa CONTINGENTE ou uma CONTINGÊNCIA: Algo que pode ser ou não ser, não tendo uma obrigatoriedade de ser daquele modo ou daquela vez.
Uma coisa é logicamente NECESSÁRIA quando: não existe possibilidade de ser de outra maneira.
Show full summary Hide full summary

Similar

Teoria do Conhecimento - questões básicas
Daniel Vieira Inácio
RENASCIMENTO CULTURAL
Lucas Villar
Grandes Filósofos
Luiz Fernando
Simulado Filosofia
Marina Faria
Hobbes, Locke e Rousseau
Ricardo l.
Arte do Renascimento Séc.XV - XVI
paulaqueiroz
Dos Mitos à Filosofia...
KauanM
Sócrates, Platão e Aristóteles
André Matias
Simulado Filosofia
aloirmd
Revisão de Filosofia - 3a. série - Ensino Médio
e-pn-2007@hotmail.co