Matematica para concursos

Luiz Ricardo Oliveira
Flashcards by , created about 4 years ago

Flashcards on Matematica para concursos, created by Luiz Ricardo Oliveira on 06/11/2015.

196
16
0
Tags No tags specified
Luiz Ricardo Oliveira
Created by Luiz Ricardo Oliveira about 4 years ago
Promedios
ernestohuamani
MATEMATICAS FINANCIERAS
Carlos Muñoz3105
Examen de Entrada
Cecilia Rivero
The Heart
annalieharrison
Romeo and Juliet essay
Tambo234
Cerca le lunghezze equivalenti
Simona Rivi
Matemática: Conteúdo Programático Unioeste-2016
Diego Alves
Fichas de Precalculo
Tomas segura monge
Mini Simulado Enem - Matemática
Gabriel Araújo
GLI ANGOLI
c.croceicscondov
Question Answer
NÚMEROS INTEIROS o conjunto dos números inteiros = reunião do conjunto dos números naturais, o conjunto dos opostos dos números naturais e o zero. Este conjunto é denotado pela letra Z
NUMEROS IRRACIONAIS os números irracionais são números decimais, infinitos e não-periódicos, por exemplo, 0,232526... 2,354224...
NÚMEROS NATURAIS Os números que pertencem ao Conjunto dos Naturais são os não decimais maiores e iguais a zero. N = {0, 1, 2, 3, 4, 5, 6, 7, 8, 9, 10, 11, 12...}
NÚMEROS RACIONAIS conjunto Q. Denominamos número racional o quociente de dois números inteiros (divisor diferente de zero), ou seja, todo número que pode ser colocado na forma fracionária, em que o numerador e denominador são números inteiros.
NÚMERO RACIONAL POSITIVO conjunto Q. Esses números são quocientes de dois números inteiros com sinais iguais. · (+8) : (+5) · (-3) : (-5)
NÚMERO RACIONAL NEGATIVO Conjunto Q. São quocientes de dois números inteiros com sinais diferentes. · (-8) : (+5) · (-3) : (+5)
NÚMEROS REAIS O conjunto dos números Reais (R) engloba 4 conjuntos de números: Naturais (N), Inteiros (Z), Racionais (Q) e Irracionais (I)
CONJUNTOS NUMÉRICOS abb5b493-99d6-473b-90e7-3d9c18889271.jpg (image/jpg)
MÚLTIPLO Denominamos múltiplo de um número o produto desse número por um número natural qualquer. múltiplos de 2: 0,2,4,6,8 ... múltiplos de 5: 0,5,10,15,20,25...
DIVISOR Um número é divisor de outro quando o resto da divisão for igual a 0. EX: 12 é divisível por 1, 2, 3, 4, 6 e 12. 36 é divisível por 1, 2, 3, 4, 6, 9, 12, 18 e 36. 48 é divisível por 1, 2, 3, 4, 6, 8, 12, 24 e 48.
NÚMEROS PRIMOS Alguns números têm apenas dois divisores: o 1 e ele mesmo. Esses números são chamados de primos. 7b24a69c-43da-4b5d-b470-5fe33e0e10c3.jpg (image/jpg)
SISTEMA DECIMAL 448d36f3-a1d9-44e9-b125-e731e80840f2.jpg (image/jpg)
OPERAÇÕES FUNDAMENTAIS adição, subtração, multiplicação e divisão
MEDIDA DE COMPRIMENTO (SI) metro
MEDIDA DE SUPERFÍCIE (SI) m² (metro quadrado)
MEDIDA DE VOLUME (SI) m³ (metro cúbico)
MEDIDA DE CAPACIDADE litro e seus múltiplos
MEDIDA DE MASSA (SI) kg (kilograma)
MEDIDA DE TEMPO (SI) s - (segundo)
EQUAÇÃO Equação é toda sentença matemática aberta que exprime uma relação de igualdade
EQUAÇÃO DE 1º GRAU A equação geral do primeiro grau: ax+b = 0
EQUAÇÃO DE 2º GRAU Uma equação do 2º grau possui a seguinte lei de formação ax² + bx + c = 0, onde a, b e c são os coeficientes da equação. c1910886-aa30-4273-94e2-eed5a18727c7.jpg (image/jpg)
INEQUAÇÕES Denominamos inequação toda sentença matemática aberta por uma desigualdade.
INEQUAÇÕES DE 1º GRAU Ax+b>0 Ax+b<0 Ax+b≠0
INEQUAÇÃO DO 2º GRAU Uma equação do 2° grau tem a forma ax² + bx + c = 0, já a inequação do 2° grau tem formato semelhante, diferenciando-se apenas pelo fato de o sinal de = ser substituído por alguma das desigualdades: > (maior que), < (menor que), ≥ (maior ou igual a), ≤ (menor ou igual a).
SISTEMA DE EQUAÇÕES Um sistema de equações é um conjunto finito de equações nas mesmas variáveis.
RAZÃO Denominamos de razão entre dois números a e b (b diferente de zero) o quociente a/b
PROPORÇÃO Proporção é uma igualdade entre duas razões a/b = c/d
REGRA DE 3 SIMPLES Regra de três simples é um processo prático para resolver problemas que envolvam quatro valores dos quais conhecemos três deles.
REGRA DE 3 COMPOSTA A regra de três composta é utilizada em problemas com mais de duas grandezas, direta ou inversamente proporcionais.
GRANDEZAS DIRETAMENTE PROPORCIONAIS Grandezas diretamente proporcionais, são grandezas que crescem juntas e diminuem juntas. Podemos dizer também que: São grandezas diretamente proporcionais se uma delas variar na mesma razão da outra. Isto é, dobrando uma delas, a outra também dobra; triplicando uma delas, a outra também triplica... E assim por diante.
GRANDEZAS INVERSAMENTE PROPORCIONAIS Grandezas inversamente proporcionais, são grandezas que quando uma aumenta a outra diminui e vice-versa. Podemos dizer também que: Duas grandezas são inversamente proporcionais quando, variando uma delas, a outra varia na razão inversa da outra. Isto é, duas grandezas são inversamente proporcionais quando, dobrando uma delas, a outra se reduz pela metade; triplicando uma delas, a outra se reduz para a terça parte... E assim por diante.
MÉDIA SIMPLES A média de um conjunto de valores numéricos é calculada somando-se todos estes valores e dividindo-se o resultado pelo número de elementos somados, que é igual ao número de elementos do conjunto, ou seja, a média de n números é sua soma dividida por n.
MÉDIA PONDERADA Ponderar é sinônimo de pesar. No cálculo da média ponderada, multiplicamos cada valor do conjunto por seu "peso", isto é, sua importância relativa. 77078c14-b621-4a76-92b8-56cbb5068ec1.gif (image/gif)
JUROS SIMPLES O regime de juros será simples quando o percentual de juros incidir apenas sobre o valor principal. Sobre os juros gerados a cada período não incidirão novos juros. Valor Principal ou simplesmente principal é o valor inicial emprestado ou aplicado, antes de somarmos os juros.
JUROS COMPOSTOS O regime de juros compostos é o mais comum no sistema financeiro e portanto, o mais útil para cálculos de problemas do dia-a-dia. Os juros gerados a cada período são incorporados ao principal para o cálculo dos juros do período seguinte.
PORCENTAGEM A porcentagem é uma medida de razão com base 100. É um modo de expressar uma proporção ou uma relação entre 2 valores (um é a parte e o outro é o inteiro) a partir de uma fração cujo denominador é 100, ou seja, é dividir um número por 100.
CÁLCULO ALGÉBRICO Expressões algébricas são aquelas que contém números e letras. Ex: 2ax²+bx
POTENCIAÇÃO operação matemática de elevar um número ou expressão a uma dada potência.
RADICIAÇÃO operação que permite obter a raiz de um número ou expressão.
FUNÇÃO Função é uma lei ou regra que associa cada elemento de um conjunto A à um único elemento de um conjunto B. O conjunto A é chamado de domínio da função, enquanto que o conjunto B é denominado de contradomínio da função. f678c42f-4354-41ab-b927-0c4fcf2eaf83.jpg (image/jpg)
PROGRESSÃO ARITMÉTICA Uma sucessão de números na qual a diferença entre dois termos consecutivos é constante, é denominada progressão aritmética, ou abreviadamente de P.A. P.A. ( a1, a2, a3, a4, ..., an ).
PROGRESSÃO GEOMÉTRICA Podemos definir progressão geométrica, ou simplesmente P.G., como uma sucessão de números reais obtida, com exceção do primeiro, multiplicando o número anterior por uma quantidade fixa q, chamada razão. an = a1 x q^(n-1)
SENO 0eb5bd34-8399-4a27-b0f7-2784091012b1.gif (image/gif)
COSENO c2d917cf-193c-41a6-a671-ee02bda35621.gif (image/gif)
TANGENTE aee4d175-669d-4153-8c22-a3579a984210.gif (image/gif)
MATRIZ Uma matriz é um conjunto ordenado de elementos dispostos em linhas e colunas representadas respectivamente por m e n, onde n ≥ 1 e m ≥ 1.
DETERMINANTE Determinante é um tipo de matriz, mas essa deverá ter o mesmo número de linhas e o mesmo número de colunas, que é chamada de matriz quadrada
EQUAÇÃO LINEAR Equação linear é toda equação da forma: a1x1 + a2x2+ a3x3 + ... + anxn = b
PROBABILIDADE A teoria da probabilidade permite que se calcule a chance de ocorrência de um número em um experimento aleatório. Se em um fenômeno aleatório as possibilidades são igualmente prováveis, então a probabilidade de ocorrer um evento A é: ba2491e2-fa6a-487a-a80f-eb015ab35688.gif (image/gif)
ANÁLISE COMBINATÓRIA Análise Combinatória é um conjunto de procedimentos que possibilita a construção de grupos diferentes formados por um número finito de elementos de um conjunto sob certas circunstâncias. Nesses grupos é possível realizar a análise das possibilidades e combinações.
ANÁLISE COMBINATÓRIA (7 PROCEDIMENTOS PRINCIPAIS) - Princípio fundamental da contagem - Fatorial - Arranjos simples - Permutação simples - Combinação - Permutação com elementos repetidos
MONÔMIO Denominamos monômio ou termo algébrico quaisquer expressões algébricas representadas por um número, por uma incógnita, ou pelo produto de números e incógnitas, assim 2, x, 2x e -3xy2 são exemplos de termos algébricos ou monômios.
POLINÔMIO Um polinômio é a soma algébrica de dois ou mais monômios. Exemplos: 5 - ab³ x³ - 2x²+5