HUMANISMO

Jéssica Santos
Mind Map by Jéssica Santos, updated more than 1 year ago
Jéssica Santos
Created by Jéssica Santos over 6 years ago
175
2

Description

Mind Map on HUMANISMO, created by Jéssica Santos on 10/16/2013.

Resource summary

HUMANISMO
1 UM MUNDO EM MUDANÇA
1.1 O quadro de Domenico Di Michelino destaca a figura do poeta Dante Alighieri. Vai mais além: sugere que sua obra, A divina comédia, contém a explicação para a vida e a morte. Essa nova maneira de representar a importância do ser humano sinaliza o surgimento de uma nova mentalidade.
1.1.1 O SURGIMENTO DA BURGUESIA
1.1.1.1 Muitos camponeses, atraídos pelas promessas de prosperidade, transferiram-se para os brugos, onde começaram a trabalhar como pequenos mercadores. Surgia, assim, a burguesia.
1.2 UMA CULTURA LEIGA
1.2.1 Enriquecida com as atividades comerciais, a burguesia necessitava de uma formação cultural mais sólida, que a ajudasse a administrar a riqueza acumulada.
1.2.1.1 O HUMANISMO: UM NOVO OLHAR PARA O MUNDO
1.2.1.1.1 O Humanismo foi um movimento artístico e intelectual que surgiu na Itália no final da Idade Média (século XIV) e alcançou plena maturidade no Renascimento.
2 O PROJETO LITERÁRIO DO HUMANISMO
2.1 O Humanismo representa um momento de transição entre o mundo medieval e o moderno. Por esse motivo, o projeto literário humanista não tem características completamente definidas: o velho e o novo convivem, provocando uma tensão que se evidencia na produção artística e cultural.
2.1.1 OS AGENTES DO DISCURSO
2.1.1.1 O contexto de produção da literatura humanista é o mesmo do Trovadorismo: as cortes e os palácios. A função principal da literatura é promover a diversão é o prazer da aristocracia.
3 • O HUMANISMO E O PÚBLICO
3.1 O público das trovas e canções produzidas durante o Humanismo é essencialmente o mesmo das cantigas dos trovoadores: os nobres.
3.1.1 LINGUAGEM: A IMPORTÂNCIA DAS METONÍMIAS
3.1.1.1 Uma consequência dessa intenção humanista ficará evidente na seleção de imagens trabalhada em poemas da época. Partes do corpo humano - geralmente olhos e coração - são mencionadas nos poemas para ilustrar os efeitos do amor. Esse mesmo procedimento também é utilizado para mostrar como determinada parte do corpo feminino simboliza todas as qualidades da mulher louvada no poema.
3.2 A PRODUÇÃO DO HUMANISMO EM PORTUGAL
3.2.1 O ressurgimento da poesia, então separada da música, ocorre durante o reinado de D. Afonso V, no século XV, impulsionado pela renovação cultural promovida na corte protuguesa.
3.2.1.1 FERNÃO LOPES: CRONISTA DOS REIS E DO POVO
3.2.1.1.1 A nomeação de Fernão Lopes como cronista-mor do reino, em 1434, é considerada o marco inicial do Humanismo português. Fernão Lopes distinguia-se demais cronistas pela importância que dava ao povo, tratado por ele como coadjuvante da história dos reis. Essa opção do cronista exemplifica o seu espírito humanista.
3.2.1.1.1.1 A POESIA PALACIANA
3.2.1.1.1.1.1 A poesia palaciana consistia em composições coletivas, produzidas para ser apresentadas no serões do Paço Real, diante da corte.
3.2.2 • FORMAS DA POESIA PALACIANA
3.2.2.1 • A trova: composta de duas ou mais quadras de versos de sete sílabas e rimas ABAB; • O vilancete: composto de um mote seguido de voltas ou glosas de sete versos; • A cantiga: composta de um mote de quatro ou cinco versos e de uma glosa de oito ou dez versos; • A esparsa: composta de uma única estrofe de oito, nove ou dez versos de seis sílabas métricas.
3.2.2.1.1 O TEATRO DE GIL VICENTE
3.2.2.1.1.1 Na Idade Média, as peças de teatro eram todas de caráter religioso e costumavam ser apresentadas no pátio das igrejas e dos mosteiros.
3.2.2.1.1.1.1 • TEATRO, CRÍTICA E HUMOR
3.2.2.1.1.1.1.1 As peças de Gil Vicente têm caráter moralizante, ou seja, procuram tematizar os comportamentos condenáveis e enaltecer as virtudes.
Show full summary Hide full summary

Similar

Humanismo
isaaviee
Humanismo- Resumo
Vinicius Rocha
Humanismo
Nathan Lima
Escolas Literárias
Lucas Souza
Humanismo
Laryssa Valencise
HUMANISMO
Luana Schramm
Humanismo
Leonardo Menegon
Humanismo
Neves07
.HUMANISMO.
josepaulo996
ROCOCÓ
bineadriana