Parte 1 Átomo - Estrutura energética e material

Maria Olivia
Note by Maria Olivia, updated more than 1 year ago
Maria Olivia
Created by Maria Olivia over 4 years ago
29
0

Description

Parte 1 Átomo - Estrutura energética e material.

Resource summary

Page 1

Parte 1Átomo - Estrutura energética e material.

Page 3

Conforme a IMAGEM ANTERIOR, iniciaremos a análise do átomo em sua estrutura energética e material.Nas aulas anteriores, verificamos que 66 é o número que estabelece a junção da energia da terra coma energia dos seres vivos. Esta interação se dá na soma 66. Ao traçarmos uma sequencia de 6 número + 6 números na sequencia orbital que inicia no plano horizontal, a direita, nós contaremos à partir deste ponto e seguiremos em cada extremidade da órbita em sentido horizontal e vertical, já que são linhas retas. Em cada ponto, nós marcamos o número para facilitar a marcação e a ordem. Tudo bem? Perfeito! Agora, verifiquem que foram traçadas linhas diagonais que cortam o ângulo de 90 graus de cada quadrante. Este corte estabelece o ângulo de 45 graus que é o menos ângulo formador da primeira imagem do retângulo na proporção áurea. Caso tenham se esquecido, vejam as aulas anteriores. A proporção áurea será enfatizada mais para frente. Vamos lá! Nas órbitas do átomo localizamos o sentido dos vetores em linha reta pois esses são extremamente importantes. O norte marca a polaridade positiva ou feminina e o Sul marca a polaridade negativa ou masculina. O YIN e Yang.No Centro do átomo, nós temos a proporção de 3 prótons para 4 neutros. A proporção 3:4 é o instrumento básico para entendermos energia do átomo. Carga eletromagnética do átomo em níveis. Está proporção é básica e faz menção aos 7 níveis de energia ou 7 raios que já estudamos em aulas anteriores.

Page 4

Quadrante da proporção 3:4 O quadrante da proporção 3:4 é formado a partir da combinação de 3 prótons para 4 nêutrons. ok. Na primeira figura à esquerda, nós traçamos uma linha na diagonal que corta a imagem em dois pedaços iguais. dois ângulos de 45 graus. Nós podemos considerar este traço em amarelo com o vetor que inclina para baixo, na crescente e sentido horário. Se somarmos os valores no vetor 2+2+2 = 6 Se somarmos os valores no triângulo abaixo, nós teremos: 6 Se somarmos os valores do triângulo acima, nós teremos a soma = 12 Essas são informações IMPORTANTES. Atenção!!!!! Na proporção áurea que estudaremos mais adiante, o 144 aparece na primeira imagem de um retângulo no primeiro ângulo de 45 graus, o triângulo acima. Veja que a soma é 12. O número 144 da sequencia de Fibonacci é o 12 número. Perfeito!!!!! No entanto, nas aulas anteriores, nós abordamos que os ciclos de energia se inciam com a posição do vetor na 45 graus em relação à coordenada x ou horizontal. Vejam as aulas anteriores antes de prosseguir!!! Isso significa que no primeiro triângulo, a vida não tinha se iniciado ou estava preparando seu novo ciclo ou recomeço. Correto? Por isso que sua soma é igual a 12, 144 na proporção áurea e 12 número da sequencia de fibonacci. Com isso, consideramos o segundo triângulo para importante pois é a primeira parte do processo de formação energética e material da vida na terra. O segundo triângulo marca 6. Na proporção áurea, o sexto número é igual a 8. O sexto número é igual a 8. Ou seja, iniciamos a vida como no pentagrama onde tudo é mutável, transformador e realizados, iniciamos a vida com 8 raios básicos, o que já foi enfatizado nas primeiras aulas sobre o Pentagrama. 8 CORES OU RAIOS DO CENTRO DO TRIÂNGULO DO PENTAGRAMA.

Page 5

Retomando a ordem deste tópico e com base nas informações do quadrante da proporção 3: 4, verifica-se que: A proporção 7 raios é correspondente á proporção 3:4 que o equilíbrio basilar das energias em sua forma mais simples e tridimensional em que nós vivemos. Já os 8 raios que verificamos no quadrante em que o vetor marca 45 graus em relação à horizontal, no segundo triângulo abaixo, observou-se que o sexto número da sequencia fibonacci marca 8. Logo, 7 raios de energia com 7 cores de frequências diversas e o Oitavo raio BRANCO é o raio da materia. Ou seja, o raio branco é responsável pela constituição da matéria já que ele potencializa os 7 raios em seu centro. Com isso, finalizamos com esta frase. A energia dos 7 raios da proporção 3:4 prótons e nêutrons anima a matéria e o 8 raio é soma de todos eles. tem-se a perfeição da energia, sua soma e a condensação em matéria.As polaridade negativas e positivas estão presentes nos seres vivos conforme a diversidade e equilíbrio da vida, e, também estão presentes nos eixos da Terra. A polaridade positiva, norte e feminina é a somatória de prótons e nêutrons no interior do átomo. Ela é a passividade, a conquista, a essência do átomo e da vida terrena e cósmica do amor, passividade, serenidade e equilíbrio da energia e matéria em que a natureza e os seres vivos precisam conquistar.O vetor de criação e evolução deve estar próximo da polaridade negativa, logo está indicativo para o SE, SUDESTE.

Show full summary Hide full summary

Similar

ÁTOMO
Hugo Fonseca
Plano de estudos ENEM - Parte 2 *Exatas/Biológicas
GoConqr suporte .
Roteiro de Estudo - Matemática
Luiz Fernando
Geometria Plana Triângulo
Luiz Antonio Lopes
Matemática - Triângulos
Felipe Perreira
Conhecimentos de Estatística e Probabilidade
Sem Parar
Equações estatísticas
Luiz Fernando
Porcentagens e Frações
luciahelenaferre
Conjuntos Numéricos
Laura Louis
Progressão Aritmética (P.A.)
claudiac_
Matemática Financeira - Fórmulas
Bruna Saraiva