QUESTÕES DE HIV

Residencia CM HBDF
Quiz by Residencia CM HBDF, updated more than 1 year ago
Residencia CM HBDF
Created by Residencia CM HBDF over 4 years ago
172
6

Description

CRIADO POR DR. CAIO REIS

Resource summary

Question 1

Question
Uma mulher chega a UBS solicitando consulta médica para seguimento de infecção pelo HIV. Apresenta-se assintomática, sem alterações de exame físico, com sorologia para detecção de infecção para HIV reagente e CD4 = 300/mm3. O responsável pela vigilância deverá:
Answer
  • Notificar o caso de AIDS segundo critério RJ / Caracas
  • Notificar o caso de AIDS segundo critério CDC adaptado
  • Notificar o caso de AIDS não é compulsório, para preservar o sigilo da paciente
  • Buscar imediatamente os parceiros sexuais sem o conhecimento da paciente
  • Notificar como infecção pelo HIV

Question 2

Question
Paciente com suspeita clínica de infecção pelo HIV procurou unidade de saúde onde foram realizados dois testes rápidos em paralelo, com resultado positivo para HIV em ambos os testes. Nesse caso, a conduta correta deve ser:
Answer
  • Realizar um terceiro teste confirmatório
  • Considerar o resultado como positivo, sem necessidade de nenhum outro teste
  • Fazer Western Blot confirmatório
  • Realizar a triagem convencional com ELISA, sem considerar os resultados dos testes rápidos
  • Fazer um teste de Imunofluorescência para confirmação diagnóstica

Question 3

Question
Um homem de 28 anos iniciou há 3 semanas com odinofagia, febre constante de 38 graus, mialgia, cefaleia. Percebeu também a presença de úlceras na mucosa oral. Relata relações sexuais desprotegidas nos últimos dois meses. Realizou anti-HIV há 06 meses, que foi negativo. O médico aventa a hipótese de infecção aguda pelo HIV. Qual alternativa pode confirmar este diagnóstico?
Answer
  • Imunoflurescência Indireta negativa para HIV
  • ELISA positivo para HIV
  • CD4 < 300 e CV > 100.000 cópias
  • Sorologia HIV negativa e antígeno p24 positivo
  • Sorologia HIV positiva e CV < 100.000 cópias

Question 4

Question
Em caso de acidente ocupacional perfurocortante, com risco biológico com fonte conhecida, o que deve ser solicitado?
Answer
  • Teste rápido para HIV para a fonte e ELISA para o acidentado
  • Teste ELISA para HIV para o acidentado e para a fonte
  • Teste rápido para HIV para a fonte e para o acidentado
  • Teste rápido do acidentado e não precisa avaliar a fonte

Question 5

Question
O Brasil é reconhecido mundialmente pela qualidade do Programa de Controle da epidemia de HIV/AIDS. O indivíduo infectado pelo HIV (soropositivo) deve ser avaliado por um médico antes de tomar qualquer vacina para se prevenir de doenças. Dentre as orientações abaixo, NÃO é pertinente para os portadores de HIV:
Answer
  • vacina contra gripe A H1N1: deve ser tomada somente quando indicada pelo médico
  • vacina contra hepatite B é indicada pelo médico, especialmente com base na caracterização de risco do paciente em relação a esta doença
  • vacina contra pneumococo só pode ser administrada se CD4 > 200
  • vacina contra tétano-difteria: a recomendação é de uma dose de reforço a cada 10 anos
  • vacina inativa contra poliomielite: é preferível à vacina oral, no soropositivo e seus comunicantes próximos

Question 6

Question
Os exames laboratoriais de um paciente HIV positivo, em uso de tenofovir, lamivudina e lopinavir/ritonavir, mostram LDL 200; HDL 45 e TGL 200. A droga preferível para o tratamento deste paciente é:
Answer
  • Fibrato
  • Ácido Linoleico
  • Atorvastatina
  • Sinvastatina
  • Fluvastatina

Question 7

Question
Um paciente de 30 anos, portador de HIV, apresenta lesões de pele eritematosas e descamativas, com escamas amareladas em couro cabeludo, região retroauricular, pálpebras, sobrancelhas e sulco nasolabial. Nega prurido. Iniciou TARV há 06 meses, por redução do número de linfócitos CD4 no sangue e relaciona o período do tratamento com a piora das lesões. Qual a etiologia mais provável para as lesões?
Answer
  • Psoríase
  • Dermatite Seborréica
  • Foliculite Eosinofílica
  • Reação aos antirretrovirais

Question 8

Question
A Isoniazida deve ser utilizada para profilaxia nos pacientes infectados por HIV, EXCETO:
Answer
  • Paciente com PPD >= 5
  • Histórico de contato com bacilífero
  • Imagem no raio-x com cicatriz pulmonar em paciente sem história prévia de tratamento para tuberculose
  • paciente com quadro de emagrecimento e febre vespertina

Question 9

Question
Em relação a transmissão do HIV, assinale a alternativa incorreta:
Answer
  • cerca de 70% dos casos de transmissão vertical ocorrem no período intraparto, devido a exposição a sangue e secreções infectadas
  • a taxa de transmissão pelo leite materno é baixa, mas, mesmo assim, o aleitamento materno está contraindicado para mães infectadas
  • Secreções vaginais, líquor e vômitos são considerados infectantes, independentemente da presença de sangue
  • mordeduras e exposição de mucosas têm chance de transmissão abaixo de 1%
  • Cerca de 30% dos casos de transmissão vertical ocorrem nos períodos intraútero e pós-parto

Question 10

Question
Um enfermo, em uso de esquema antirretroviral, hipotenso antigo e com IMC abaixo do normal, desenvolve retenção azotada lenta e progressiva. Dentre as relacionadas, assinale a droga que mais provavelmente poderá justificar a evolução relatada:
Answer
  • Zidovudina
  • Efavirenz
  • Lamivudina
  • Saquinavir
  • Tenofovir

Question 11

Question
Mulher de 41 anos, com HIV + há 05 anos. Nos últimos seis meses, desenvolveu linfopenia progressiva e candidíases recorrentes. Há 3 meses, quando a contagem de linfócitos CD4 atingiu 130, iniciou TARV. Há 15 dias, apresenta artrite de tornozelos, hipercalcemia e Rx de tórax com adenopatia hilar bilateral. Bx de gânglio mediastinal confirma sarcoidose. O leucograma e a contagem de CD4 agora estão normais. O quadro pode ser justificado por:
Answer
  • síndrome de reconstituição imune
  • tendência genética à autoimunidade
  • hipersensibilidade aos antirretrovirais
  • exposição de longa data ao HIV
  • exposição recente à Candida

Question 12

Question
Um paciente com AIDS, em uso de TARV com estavudina, didanosina e Efavirenz procura o OS pois começou a apresentar náuseas não relacionada com alimentação e/ou medicação, fadiga, dor abdominal e mialgia generalizada há 02 semanas. Das situações clínicas apresentadas, assinale aquela que provavelmente representa a possível causa do quadro clínico e o exame laboratorial que você solicitaria para confirmar o diagnóstico:
Answer
  • Litíase biliar, USG de vias biliares
  • Insuficiência renal, dosagem de creatinina sérica
  • Insuficiência hepática, dosagem de albumina sérica
  • Acidose lática, dosagem de lactato sérico
  • Miopatia, dosagem de CPK

Question 13

Question
Homem, 35 anos, tem diagnóstico recente de infecção pelo HIV em exame admissional. O paciente é assintomático, sua história médica é irrelevante e não usa medicamentos. O exame físico é completamente normal, sem adenomegalias, e fígado e baço não são palpáveis. Apresenta os seguintes exames laboratoriais: CD4 = 184células/mm3; carga viral (RNA HIV) plasmática = 13.087 cópias/mL; AST = 63 U/L; ALT = 85 U/L; fosfatase alcalina = 88 U/L;anti-HCV = negativo; HbsAg = positivo; anti-HBc = positivo; anti-HBs = negativo. QUAL A CONDUTA ADEQUADA
Answer
  • Iniciar terapêutica somente após inicio das manifestações clínicas
  • Iniciar terapêutica somente quando a carga viral exceder 100.000 cópias/mL
  • Seguimento clínico, sem tratamento por seis meses, e se não houver redução de CD4 não é necessário terapia
  • Iniciar tratamento com zidovudine, didanosine e nelfinavir
  • Iniciar tratamento com lamivudine, efavirenz e tenofovir
Show full summary Hide full summary

Similar

Flashcard Clinica Médica
marcelargondim
Sistema Cardiovascular: Artérias, Veias e Capilares
Natália Abitbol
Anatomia: sistema esquelético I
Natália Abitbol
Anatomia Artérias
Filipe Brito
Regras NBRs
Maria Clara Oliveira
Processo de Cicatrização
Letícia Silva
SIMULADO - Casos Clínicos
Rodrigo Gouvea
Anatomia membro inferior - Ossos, acidentes e movimentos
vitorstoco
INSUFICIÊNCIA RENAL CRÔNICA
Residencia CM HBDF
AVALIAÇÃO TEÓRICA 13 DE MARÇO
Residencia CM HBDF
DESENVOLVIMENTO EMBRIONÁRIO
Vanessa Palauro