Sistema Único de Saúde

Description

Educación Secundaria Educação e Saúde Flashcards on Sistema Único de Saúde, created by Vanessa Campos on 31/05/2016.
Vanessa Campos
Flashcards by Vanessa Campos, updated more than 1 year ago
Vanessa Campos
Created by Vanessa Campos about 8 years ago
1291
36

Resource summary

Question Answer
Conceito Ampliado de Saúde Completo bem estar físico, mental e social não apenas a ausência de doença
Saúde tem como fatores determinantes e condicionantes Alimentação Transporte Moradia Lazer Saneamento Básico Trabalho Educação Meio Ambiente
Artigo 196 Constituição Federal de 1998 A saúde é um direito de todos e dever do Estado, garantindo mediante políticas sociais e econômicas que visem a redução do risco de doença e de outros agravos e o acesso universal e igualitário as ações e serviços para sua promoção, proteção e recuperação
SUS-Sistema Único de Saúde Lei 8080/90 Direito de todos os cidadãos de país ao atendimento digno de suas necessidades de saúde
Princípios do SUS Universalidade Integridade Equidade Gratuidade
Universalidade Todas as pessoas tem o direito ao atendimento de saúde, independente da raça, cor, religião, local de moradia, situação de emprego ou renda.
Integridade Garante ao usuário uma atenção que abrange as ações de promoção, prevenção, tratamento e reabilitação, com garantia de acesso a todos os níveis de complexidade do Sistema de Saúde, a atenção focada no indivíduo, na família e na comunidade.
Equidade Igualdade da atenção a saúde, sem privilégios ou preconceitos, todo cidadão é igual perante o SUS e será atendido conforme as suas necessidades. Oferecer mais a quem mais precisa buscando diminuir as desigualdades existentes.
Gratuidade Todo serviço oferecido pelo SUS será gratuito para todos que precisar, independente de sua condição financeira, se por ineficiência do setor público, se for necessário a contratação de serviços privados estes também não deverão ser cobrado
Regionalização e Hiererquização Regionalização deve orientar a descentralização das ações e serviços de saúde e políticas, ações e serviços de saúde qualificado e descentralizados que disponibiliza acesso, integralidade e resolutividade na atenção a saúde da população. Neste processo são identificadas e constituídas as regiões de saúde, espaços territoriais os quais serão desenvolvidas as ações de saúde com objetivo de alcançar maior resolutividade e qualidade nos resultados
Regionalização e Hierarquização O acesso da população a rede deve se dar ao nível primário de atenção, quando não resolvido o problema direciona ao atendimento de maior complexidade.
Descentralização é uma redistribuição das responsabilidades as ações de saúde entre os diversos níveis de governo (União, Estados e municípios) Quanto mais perto do fato a decisão for tomada maior o nível de acerto
Organização dos Serviços de Saúde Pirâmide Atendimento Primário deve resolver 80% Município (Unidades Básicas) Atendimento Secundário 18% -Estado (Hospitais e Ambulatorios) Atendimento Terciário 2%-União (Hospitais Especializados)
Participação Social Grupos Organizados populacional que discutem e acompanham e podem interferir sobre o que esta sendo feito na área da saúde.
Qualidade do Serviço pode estar relacionada Pessoal Equipamentos Apoio Financeiro Organização
Componentes Básicos para avaliação de qualidade Estrutura Processo Resultados
Quantidade e qualidade dos cuidados mais atenção recebida para obter a satisfação do usuário Limpeza Solução de problemas Custos Cortesia Competência do profissional
Estratégia de Saúde da Família em que ano foi criado 1994 pelo Ministério da Saúde com o nome de Programa Saúde da família (PSF)
Objetivos da Estratégia de Saúde da Família Reorganizar a prática da atenção á saúde em novas bases e substituir o modelo tradicional de assistência Priorizar as ações de prevenção, promoção e recuperação da saúde das pessoas de forma integral e contínua. Atendimento prestado na unidade básica de saúde ou a domicilio
A Estratégia de Saúde da Família com esse método de trabalho ocasionava Vínculos entre profissionais e comunidade de co-responsabilidade o que facilita a identificação e o atendimento aos problemas de saúde da comunidade
A Estratégia visava Qualidade e não quantidade era equipe formada por 1 médico 1 enfermeiro 1-2 auxiliares e enfermagem 6-12 Agentes comunitários da saúde Para cada 3000-4000 pessoas Regime de 40 hrs semanais
Equipe Multiprofissional outros profissionais poderão fazer parte da equipe Dentista Psicologo Assistentes Sociais De acordo com as necessidades locais, a quantidade de grupos de profissionais variam de acordo com a quantidade de famílias no local (até 2)
Diferenças entre USF do atendimento tradicional Planejamento Ascendente das atividades da Equipe Trabalhar na promoção, prevenção,tratamento e reabilitação Desenvolvimento de ações educativas por todos da equipe Mapeamento da comunidade e integração de toda equipe
Diferença entre USF e atendimento tradicional Trabalhar com grupos prioritários seguindo as recomendações do Ministério da Saúde (hipertensos, diabéticos, crianças, gestante, haseníase e tuberculose) Visita domiciliar (todos da equipe) Avaliar pela qualidade e não quantidade Intervenção junto as famílias de risco
USF funcionando corretamente Resolve 85% dos problemas de saúde Evitando doenças e internações Melhorando a qualidade de vida
SUF cada equipe deve ser capacitada para Conhecer a qualidade das famílias pelas quias é responsável por cadastramento, diagnóstico de suas características sociais, demográficas e epidemiológica -Identificar os principais problemas de saúde e situações de riscos aos quais a população que ele atende está exposto -Elaborar com a participação da comunidade um plano local para enfrentar os determinantes dos processos saúde/doença -Prestar assistência integral respondendo de forma continua e racionalizada a demanda organizada ou espontânea na USF, na comunidade no domicílio e no acompanhamento nos serviços de referência ambulatorial ou hospitalar -Desenvolver ações educativas e intersetoriais para enfrentar os problemas de saúde identificados
Como Implantar USF Depende da decisão política da administração municipal, que submete a proposta ao Conselho Municipal da Saúde e discutir o assunto com comunidades a serem beneficiadas Ministério da Saúde com as Secretárias Municipais da saúde deve dar todo o apoio necessário a elaboração do projeto e sua implantação
Etapas para Implantação do Projeto USF -Identificar as áreas prioritárias para implantação do programa (mapear o número de habitantes de cada área) -Calcular o número de equipes e agentes comunitários necessários) -Adequar espaços e equipamentos para a implantação e funcionamento do programa) -Solicitar formalmente a Secretária Estadual de Saúde a adesão do município ao PSF -Selecionar, contratar e capacitar os profissionais que atuarão no programa
Territorialização e cadastramento da clientela USF trabalha com território definido é responsável pelo cadastramento e acompanhamento da população vinculada a esta área responsável no máximo por 4000 pessoas
Show full summary Hide full summary

Similar

Pronto Socorro
Fabiola Melo
Sistema Cardiovascular: Artérias, Veias e Capilares
Natália Abitbol
Anatomia: sistema esquelético I
Natália Abitbol
Processo de Cicatrização
Letícia Silva
Anatomia Artérias
Filipe Brito
Regras NBRs
Maria Clara Oliveira
Anatomia membro inferior - Ossos, acidentes e movimentos
vitorstoco
SIMULADO - Casos Clínicos
Rodrigo Gouvea
COMUNICAÇÃO INTERPESSOAL EM SAÚDE
erikaaptorres
AVALIAÇÃO TEÓRICA 13 DE MARÇO
Residencia CM HBDF
SUS E ATENÇÃO A SAÚDE NO BRASIL
danieleyuri