Regulação nos seres vivos

joana_pinto_202
Mind Map by , created over 5 years ago

Biologia e Geologia (Biologia 10º ano) Mind Map on Regulação nos seres vivos, created by joana_pinto_202 on 02/19/2014.

46
5
0
joana_pinto_202
Created by joana_pinto_202 over 5 years ago
Respiração aeróbia - 10º ano
hlopes047
INCOMPLETO - Biologia e Geologia - Geologia 11º ano, parte IV - Ensino Secundário Português
Heres Oliveira
Geologia 10ºANO
catarinacusca
English Grammatical Terminology
Fionnghuala Malone
GCSE AQA Biology 2 Respiration & Exercise
Lilac Potato
Fotossíntese
joana_pinto_202
Biosfera
joana_pinto_202
Transporte nos animais
joana_pinto_202
A base celular da vida
joana_pinto_202
Distribuição dos materiais nos seres vivos
joana_pinto_202
Regulação nos seres vivos
1 Homeostasia

Annotations:

  • Homeostasia – manutenção das condições do meio interno dentro de limites compatíveis com a vida.
  • Os mecanismos de homeostasia fazem com que ocorram apenas pequenas oscilações das condições internas mesmo que existam grandes oscilações externas.
1.1 através

Annotations:

  • Pele : controla as perdas de água através da regulação da temperatura corporal.
1.1.1 Sistema Nervoso
1.1.1.1 coordenação e controle do organismo
1.1.1.1.1 Um organismo estabelece comunicação com o meio externo e reage às suas alterações através do sistema nervoso.

Annotations:

  • Neurónio - dendrite - corpo celular - axónio
1.1.1.1.1.1 Sistema nervoso central
1.1.1.1.1.1.1 Encéfalo
1.1.1.1.1.1.1.1 protegido por crânio
1.1.1.1.1.1.2 Medula Espinal
1.1.1.1.1.1.2.1 Coluna Vertebral
1.1.1.1.1.2 Sistema nervoso periférico
1.1.1.1.1.2.1 Nervos
1.1.1.1.1.3 Complexo hipotálamo-hipófise

Annotations:

  •  Complexo hipotálamo-hipófise – o hipotálamo é o centro coordenador da homeostasia nos vertebrados. Está ligado à hipófise por um pedículo que contém vasos sanguíneos e formações nervosas. Assim, os neurónios do hipotalamo segregam hormonas para a hipófise.
  • Hipotálamo coordena e controla o funcionamento dos 2 sistemas (nervoso e hormonal) respondendo a estimulos que têm origem em centros nervosos ou mudança hormonal. A
1.1.1.1.1.4 Transmissão do impulso nervoso

Annotations:

  • Receptores transformam mensagem recebida em impulso nervoso, ao sistema nervoso central. Esta transmissão é realizada por vias nervosas - vias aferentes /nervos sensitivos.
  • Sistema nervoso central, recebe, analisa e integra a informação, são enviadas ordens ou tomadas decisões, e são encaminhados pelas vias eferentes/ nervos motores. Recebem informação e desencadeiam a reacção.
  • Estimulo - Glândula Endócrina - hormona lançada diretamente no sangue - atuam apenas em células alvo - possuem recetores específicos
1.1.1.1.1.4.1 Unidade básica do sistema - neurónio

Annotations:

  • -  Vias aferentes – vias nervosas que transmitem mensagens dos receptores para os centros nervosos. - Vias eferentes – vias nervosas que transmitem mensagens dos centros nervosos para os efectores. - Axónio - Prolongamento de diâmetro +/- constante que acaba numa arborização terminal; - Corpo celular - contém o núcleo e a maior parte do citoplasma;
  • - Dendrite - prolongamento muito ramificado do corpo celular; - neuronio sensitivo - receptor (pele) - neuronio efector (músculo). Neurónio pode ligar a: - dendrites (neurónio seguinte) - corpo celular - orgão efector
  • O axónio ou certas dendrites de uma célula nervosa constituem uma fibra nervosa. As fibras nervosas podem formar feixes, rodeados por membranas, onde circulam os vasos sanguíneos. Os nervos são constituídos por vários grupos destes feixes de fibras nervosas, envolvidas por uma membrana.
1.1.1.1.1.4.1.1 Região da passagem do Impulso, para uma célula adjacente
1.1.1.1.1.4.1.1.1 Sinapse

Annotations:

  • Hormonas - mensagens químicas. As hormonas são moléculas orgânicas produzidas por glândulas endócrinas localizadas em diversas regiões do organismo.
1.1.1.1.1.4.1.1.1.1 Transmissão da mensagem nervosa de um neurónio para outra célula

Annotations:

  • A informação nervosa é transmitida ao nível de uma sinapse, não havendo contacto directo entre as celúlas. Na célula pré-sináptica existem vesículas que armazenam substâncias produzidas pelos neurónios – os neurotransmissores.Quando o impulso nervoso chega à célula pré-sináptica, as vesículas fundem-se com a membrana e descarregam os neurotransmissores na fenda sináptica. Os neurotransmissores ligam-se à membrana pós-sináptica em receptores específicos.
1.1.1.1.1.4.2 Influxo nervoso

Annotations:

  • Influxo nervoso ou impulso nervoso: informação que circula ao longo dos neurónios. Natureza eletroquimica.
1.1.1.1.1.4.3 Transmissão do influxo nervoso

Annotations:

  • Transmissão do influxo nervoso: os neurónios possuem uma diferença de potencial eléctrico transmembranar, entre a face externa e a face interna da membrana. Essa diferença é o potencial de repouso e resulta de uma distribuição desigual de iões de ambos os lados da membrana.
1.1.1.1.1.4.3.1 Há uma modificação local do potencial da membrana da acção

Annotations:

  • de acção (inversão acentuada e localizada da polarização da membrana, tornando o interior da membrana positivo em relação ao exterior). Este processo avança sequencialmente, porque provoca uma nova inversão da polaridade na vizinhança imediatamente a seguir – propagação da mensagem nervosa. Ao chegar ao fim do axónio, o influxo nervoso passa para outra célula (neurónio ou célula efectora).
1.1.2 Sistema Hormonal (Endócrino)
1.1.2.1 coordenação e controle do organismo
1.1.2.1.1 Hormonas
1.1.3 Sistema Excretor

Annotations:

  • - manutenção de fluídos corporais; - eliminação de resíduos metabólicos;