DISPOSITIVOS MÓVEIS E JORNALISMO: UMA QUESTÃO DE ESPAÇO /Daniela Osvald / USP

Mariana Viegas
Mind Map by Mariana Viegas, updated more than 1 year ago
Mariana Viegas
Created by Mariana Viegas about 4 years ago
114
2

Description

Uma pequena síntese do artigo Dispositivos móveis e Jornalismo, de Daniela Oswald Ramos, da Universidade de São Paulo. - Por Mariana Viegas. Universidade Luterana do Brasil.

Resource summary

DISPOSITIVOS MÓVEIS E JORNALISMO: UMA QUESTÃO DE ESPAÇO /Daniela Osvald / USP
1 ALTERAÇÃO DAS FORMAS TRADICIONAIS DE DISTRIBUIÇÃO DE CONTEÚDO JORNALÍSTICO
1.1 Vetores de criação de conteúdo e de espaços de acesso a conteúdos e interações diversas.
2 CRIAÇÃO DE UM ESPAÇO FÍSICO NÃO ABRANGIDO PELA GRANDE MÍDIA
2.1 Mídia Ninja no Brasil (Bainbridge, 2014), – Manifestações Junho 2013 / Streaming via celular
3 JORNALISMO DECODIFICADO
3.1 A informação fornecida por quem está no ambiente, não por quem apenas o cobre. Enquadramento diferenciado da mídia tradicional.
3.2 Identificação da grande massa
4 ESPAÇO
4.1 Novo formato de mídia confrontou o jornalismo tradicional e fez com que pensassem os formatos.
4.2 Conteúdo Jornalístico X Conteúdo de Mídia
4.3 Busca por uma revalidação de veículos e programas como o Jornal Nacional / Manifestações 2013.
5 ÂNGULO
5.1 Exploração de espaços e situações evitados pelos veículos usuais.
5.2 Massificação X Individualismo
6 ESPAÇO ARTICULADO EM CAMADAS, ARQUITETURA, DESIGN
6.1 CIBERESPAÇO : FÍSICO E NUMÉRICO
6.1.1 Informação + Conhecimento
6.1.1.1 “O dado não pode ser conhecido em sua essência. O que pode ser conhecido é uma realidade que é constructo da experiência, uma criação de sentimento e pensamento” (Tuan, 2013, p. 18).
6.1.1.1.1 Experiências proporcionadas pelas notícias em determinados espaços.
6.1.2 Espaço e Lugar
6.1.2.1 criação de lugares a partir do espaço.
6.1.3 ESPAÇO SÓCIO/TÉCNOLÓGICO
6.1.3.1 Lugares no espaço numérico?
6.1.3.1.1 Programado, modelizado, estruturado, e consequentemente acessado através do design, assim como o espaço social físico é estruturado pela arquitetura e sustentado pelos cálculos de engenharia.
7 SOCIEDADE CONECTADA
7.1 Rede Global do Capitalismo
7.2 Espaço de dominação e de potencial liberação da dominação.
7.2.1 Edward Snowden/atuação da Agência Nacional de Segurança (SNA) americana.
7.3 Fuchs (2007, p. 54): “A sociedade cria o espaço, o espaço cria sociedade, pessoas modificam e (re)criam os espaços em que vivem e, por sua vez, são modificados por eles”.
7.4 REGRAS SOCIAIS E ARTICULAÇÃO POR NÚMEROS
7.4.1 Responsabilidade social do jornalista
7.4.2 PROCESSO JORNALÍSTICO PÓS-INDUSTRIAL SE DAR POR CAMADAS.
7.4.2.1 Backend, Metadados, frontend.
7.4.2.2 Grid, Camadas E Diagrama.
7.4.2.3 Manteve o formato do impresso, diferente dos jogos..
7.4.2.3.1 Sensação do”lugar”
7.4.2.4 superfície e profundidade, interior e exterior, físico e numérico.
7.4.2.5 Ecologia das Mídias.
Show full summary Hide full summary

Similar

Quem é Quem nas Teorias da Comunicação?
Ricardo Olimpio
FLEXOGRAFIA
Andressa Campos2764
Texto Publicitário
Fernando Danich P.
Comunicação
karol_franz
Comunicação Organizacional
Letícia Pagliarini
Slide Mídias
Leticia Santana Thomaz
10 Gerenciamento de comunicações
Clenia Paradela
4º P Publicação
sgmarinheiro1
Jornalismo Esportivo Como Entretenimento
Louise Wine
reportagem
Silvia Drumond
MÍDIA: Técnica de propaganda que se baseia no estudo e na observação atenta dos veículos disponível.
Thaynara dos Santos