O conceito de avaliação da aprendizagem e as concepções pedagógicas.

Luiz Felipe  de Oliveira
Mind Map by Luiz Felipe de Oliveira, updated more than 1 year ago
Luiz Felipe  de Oliveira
Created by Luiz Felipe de Oliveira almost 4 years ago
15
0

Description

Disciplina - Pesquisa da Prática Pedagógica I: Planejamento e Avaliação Docente - Ketilin Mayra Pedro

Resource summary

O conceito de avaliação da aprendizagem e as concepções pedagógicas.
1 Concepção pedagógica arcaica.
1.1 Mera transmissão e memorização de informações prontas.
1.1.1 Avaliação se restringe a medir a quantidade de informações retidas.
2 Concepção pedagógica mais moderna.
2.1 A educação é concebida como a vivência de experiências múltiplas e variadas.
2.1.1 Os conteúdos são o instrumento utilizado para ativar e mobilizar os esquemas mentais operatórios de assimilação.
2.1.1.1 O educando é um ser ativo e dinâmico.
3 Educar é formar e aprender é construir o próprio saber.
3.1 A avaliação é um meio de diagnosticar e de verificar em que medida os objetivos propostos para o processo ensino-aprendizagem estão sendo atingidos
3.1.1 Ligado a uma concepção pedagógica mais ampla.
3.1.1.1 A avaliação ajuda o aluno a progredir na aprendizagem, e o professor a aperfeiçoar sua prática pedagógica.
3.1.2 O que é avaliar: princípios básicos.
3.1.2.1 Processo de coleta e análise de dados.
3.1.2.1.1 Avaliação contribui para a melhoria da qualidade da aprendizagem e do ensino.
3.1.2.1.1.1 Conclusões sobre os pressupostos e princípios da avaliação:
3.1.2.1.1.1.1 a) A avaliação é um processo contínuo e sistemático.
3.1.2.1.1.1.1.1 b) A avaliação é funcional, porque se realiza em função dos objetivos previstos.
3.1.2.1.1.1.1.1.1 c) A avaliação é orientadora, porque indica os avanços e dificuldades do aluno, ajudando-o a progredir na aprendizagem, orientando-o no sentido de atingir os objetivos propostos.
3.1.2.1.1.1.1.1.1.1 d) A avaliação é integral, pois considera o aluno como um ser total e integrado e não de forma compartimentada.
3.1.2.2 Distinção entre testar, medir e avaliar.
3.1.2.2.1 O termo avaliar foi utilizado durante certo tempo como sinônimo de medir e testar.
3.1.2.2.1.1 Predominância de uma abordagem pedagógica que encarava a educação como mera transmissão e acumulação de conhecimentos já prontos.
3.1.2.2.1.1.1 Nessa perspectiva, avaliar se confundia com medir — medir o número de informações memorizadas e retidas.
3.1.2.2.1.1.1.1 Afinal, que diferença existe entre esses três termos: testar, medir e avaliar?
3.1.2.2.1.1.1.1.1 Testar significa submeter a um teste ou experiência. Ou seja, consiste em verificar o desempenho de alguém ou alguma coisa.
3.1.2.2.1.1.1.1.1.1 Medir significa determinar a quantidade, a extensão ou o grau de alguma coisa, tendo por base um sistema de unidades convencionais.
3.1.2.2.1.1.1.1.1.1.1 Avaliar é julgar ou fazer uma apreciação sobre alguém ou alguma coisa, tendo como base uma escala de valores.
3.1.2.2.1.1.1.1.2 Do ponto de vista educacional, quando se fala apenas em testar e medir, a ênfase recai na aquisição de conhecimentos ou em aptidões específicas. O termo avaliar, refere-se aos aspectos quantitativos da aprendizagem e também aos qualitativos, abrangendo tanto a aquisição de conhecimentos, quanto as habilidades, os interesses e etc.
3.1.2.2.1.1.1.1.2.1 Como podemos concluir, esses três termos não são sinônimos, embora seus significados se justaponham.
3.1.2.2.1.1.1.1.2.1.1
3.1.2.2.2 Funções da avaliação.
3.1.2.2.2.1 Avaliar o processo ensino-aprendizagem é, basicamente, verificar o que os alunos conseguiram aprender e o que o professor conseguiu ensinar.
3.1.2.2.2.1.1 Mas por que e para que o professor precisa determinar o nível de aprendizagem de seus alunos?
3.1.2.2.2.1.1.1 Vários são os propósitos da avaliação na sala de aula. Vejamos os principais:
3.1.2.2.2.1.1.1.1 Conhecer os alunos. A avaliação neste sentido, verifica o conhecimento prévio de seus alunos sobre os conteúdos a serem estudados, e serve para o professor situar onde é preciso agir, e observar depois a progressão dos seus alunos.
3.1.2.2.2.1.1.1.1.1 Identificar as dificuldades de aprendizagem. A avaliação também permite diagnosticar as dificuldades dos alunos, tentando identificar e caracterizar suas possíveis causas.
3.1.2.2.2.1.1.1.1.1.1 Determinar se os objetivos propostos para o processo ensino-aprendizagem foram ou não atingidos. O propósito fundamental da avaliação com caráter formativo é verificar se o aluno está conseguindo dominar gradativamente os objetivos previstos.
3.1.2.2.2.1.1.1.1.1.1.1 Aperfeiçoar o processo ensino-aprendizagem. O ato de avaliar fornece dados que permitem verificar diretamente o nível de aprendizagem dos alunos e também, indiretamente, determinar a qualidade do processo de ensino.
3.1.2.2.2.1.1.1.1.1.1.1.1 Promover os alunos. Este tipo de avaliação tem função classificatória, pois consiste em classificar os resultados obtidos pelos alunos ao final de um semestre, ano ou curso.
3.1.2.2.2.1.1.1.1.1.1.1.1.1 A forma de encarar a avaliação reflete a concepção pedagógica adotada, podemos dizer que a avaliação está, atualmente, perdendo seu caráter seletivo e competitivo, para se tornar orientadora e cooperativa, em decorrência das novas concepções educativas e das mudanças ocorridas na escola.
3.1.2.2.2.1.1.1.1.1.1.1.1.1.1 Relação funcional entre objetivos e avaliação.
3.1.2.2.2.1.1.1.1.1.1.1.1.1.1.1 A ação educativa é finalística, isto é, pressupõe objetivos a serem atingidos.
3.1.2.2.2.1.1.1.1.1.1.1.1.1.1.1.1 Há uma estreita relação entre a avaliação e a definição de objetivos, porque avaliar é basicamente comprovar se os resultados desejados foram alcançados. É a partir da elaboração do plano de ensino, com a definição dos objetivos que norteiam o processo ensino-aprendizagem.
3.1.2.2.2.1.1.1.1.1.1.1.1.1.1.1.1.1 A elaboração do plano de ensino com a definição de objetivos tornou-se importante sobretudo a partir da ampliação do conceito de aprendizagem.
3.1.2.2.2.1.1.1.1.1.1.1.1.1.1.1.1.1.1 A partir da formulação dos objetivos que vão nortear o processo ensino-aprendizagem, determina-se o que e como julgar, ou seja, o que e como avaliar.
3.1.2.2.2.1.1.1.1.1.1.1.1.1.1.1.1.1.1.1 Portanto, para ser válida, a avaliação deve ser realizada em função dos objetivos previstos. Assim concluí-se que os critérios de avaliação, condicionam os resultados, e devem sempre estar subordinados às finalidades, e objetivos previamente estabelecidos para qualquer prática, seja ela educativa, social, política ou outra.
Show full summary Hide full summary

Similar

Fractions and percentages
Bob Read
Biology AQA 3.2.5 Mitosis
evie.daines
Of Mice and Men
becky_e
Statistics Equations & Graphs
Andrea Leyden
Biology Unit 4: Respiration and Photosynthesis
Charlotte Lloyd
GCSE French - The Environment
Abby B
Biology B2.1
Jade Allatt
Repaso prueba Revalida Enfermeria 2016 Parte:2
Rodrigo Lopez
CICLOS ECONOMICOS CLASICOS EN MEXICO:EL CASO DE SINALOA Y SONORA, 1900-1996
JOSE ANGEL MORALES
Adolescentes: riesgos para la salud y soluciones
jimena cc
PLANEACIÓN DIDÁCTICA
Juan Villegas