Fisiologia Humana - Hormônios do Hipotálamo e Hipófise

Description

Fisiologia Humana Flashcards on Fisiologia Humana - Hormônios do Hipotálamo e Hipófise, created by Eduardo Almeida on 03/09/2018.
Eduardo Almeida
Flashcards by Eduardo Almeida, updated more than 1 year ago
Eduardo Almeida
Created by Eduardo Almeida over 6 years ago
55
2

Resource summary

Question Answer
Quais são os 5 tipos celulares da hipófise anterior? 1. Somatotropos 2. Lactotropos 3. Tireotropos 4. Corticotropos 5. Gonadotropos
Qual o hormônio produzido pelos somatotropos? GH, também chamado somatotropina ou hormônio do crescimento
Qual a função do GH? Estimula a síntese proteica e, portanto, o crescimento de praticamente todas as células do organismo
Qual o nome do hormônio produzido pelos lactotropos? Prolactina
Qual a função da prolactina? Atua na produção de leite nas glândulas mamárias
Qual o hormônio produzido pelos tireotropos? Produzem o TSH (hormônio estimulante da tireoide) também denominado tireotropina
Qual a função do TSH? Estimula o crescimento e atividade dos folículos tireoidianos para que estes produzam outros hormônios (T3 e T4)
Qual o hormônio produzido pelos corticotropos? Produzem ACTH (hormônio estimulante do córtex da adrenal)
Quais as outras duas denominações para o ACTH? hormônio adrenocorticotrópico ou corticotropina
Qual a função do ACTH? Estimular o crescimento e manutenção das células do córtex da adrenal. Assim, estimula a secreção de glicocorticoides pela zona fasciculada e esteroides adrenais pela zona reticulada. Ao manter as células da zona glomerulosa vivas, mantém indiretamente a produção de aldosterona
Os gonadotropos são células da hipófise anterior responsáveis pela produção de ____________ e _____________ FSH (hormônio folículo estimulante) LH (hormônio luteinizante)
Qual a função do FSH? Maturação dos folículos ovarianos e processo de espermatogênese
Qual a função do LH? Permite a ovulação e a produção de androgênios
Para o GH: Classe: _____________ Célula secretora: ________________________ Receptor: ________________ Proteico Somatrotropos De membrana acoplado à enzima JAK
Quais são os dois hormônios hipotalâmicos que regulam a secreção de GH pela hipófise anterior? GHRH - Hormônio liberador do GH Somatostatina SST - Hormônio inibidor do GH
Dado que ambos os receptores de GHRH e SST são de membrana e metabotrópicos, qual o tipo de proteína G para cada um em vista de suas ações? GHRH --> Gs SST --> Gi
Qual a classe dos hormônios GHRH e SST? Proteicos
Quais as ações diretas metabólicas causadas pelo GH? 1. Aumenta síntese proteica 2. Aumentar lipólise 3. Reduzir uso de glicose pelo organismo
De que forma o GH aumenta a síntese proteica? 1. Aumenta captação de aminoácidos 2. Aumenta a atividade de transcrição e tradução 3. Diminui catabolismo proteico
O GH aumenta a lipólise. Para mobilizar ácidos graxos, ele deve ativar no tecido adiposo a _________________________, que também sofre ativação pelo ____________ e ____________ Lipase sensível a hormônio glucagon e adrenalina
Como o GH reduz o uso da glicose pelo organismo? Ele produz efeito de resistência à insulina, sendo isso necessário para aumentar também a captação de aminoácidos. Além disso, estimula a gliconeogênese hepática
O que é IGF-1? É o fator de crescimento semelhante à insulina ou somatomedina C
Quais as ações do IGF-1? Aumenta crescimento e mantém o funcionamento adequado de órgãos, a exemplo os músculos e os ossos. Atua no crescimento ósseo, principalmente o linear, pelo fato de estimular a produção de colágeno na placa epifisária pelos condrócitos e intensificar mitogênese, e também por estimular deposição de osso novo por células osteogênicas (osteoblastos)
Para produção de IGF-1 é preciso estímulo de outro hormônio. Qual? GH
Em quais locais são produzidos IGF-1? Majoritariamente pelo fígado, mas também há produção em ossos (especialmente na região das placas epifisárias) e em determinadas células musculares
Cite 2 fatores que diminuem produção de IGF-1 Insensibilidade ao GH Subnutrição
Assim como o GH, o IGF-1 é um hormônio proteico? Sim
Qual o tipo de receptor para o IGF-1 Acoplado à enzima (receptor tirosina-cinase)
O GH possui uma proteína de ligação plasmática? Sim, a GHBP (growth hormone binding protein), porém a ligação é relativamente fraca e o GH, portanto, possui meia-vida curta
Apesar do tempo de meia-vida do GH ser curto, seus efeitos são duradouros. Explique este fato Muitos dos efeitos promovidos pelo GH são, efetivamente, mediados por IGF (fatores de crescimento semelhantes à insulina, especialmente a IGF-1/somatomedina C). Esta se liga fortemente a uma proteína plasmática carreadora denominada IGFBP (insulin-like growth factor-binding protein), apresentando meia-vida longa, resultando assim em efeitos duradouros de anabolismo proteico e crescimento celular e tecidual
O GH é liberado apenas durante o crescimento? Não, o GH é liberado durante toda a vida, mas em ritmo decrescente
Quais os efeitos positivos da administração de GH em idosos? Antienvelhecimento, maior disposição energética, deposição proteica e diminuição dos depósitos de gordura
Quais os efeitos adversos apresentados com a administração de GH em idosos? Artralgias, síndrome do túnel do carpo, edemas e indução ao diabetes mellitus 2 dado que o GH provoca efeito de resistência à insulina
Quais os fatores que causam liberação de GH? Excitação, exercícios físicos, jejum, liberação de grelina, hipoglicemia, stress, trauma, aminoácidos livres no sangue, baixa quantidade de ácidos graxos no sangue e sono profundo
Os fatores citados acima afetam diretamente a liberação de GH ou atuam no hipotálamo, na liberação de GHRH? Atuam no hipotálamo. Diante do stress, trauma e exercícios físicos, por exemplo, ocorre estímulos por adrenalina, dopamina e serotonina no hipotálamo, aumentando a liberação de GHRH que, ao chegar à hipófise anterior, via sistema porta hipotalâmico-hipofisário, estimula liberação do GH
Como pode estar associada a concentração de glicose com a liberação de GHRH? No núcleo ventromedial do hipotálamo (área responsável pela saciedade) há neurônios que secretam GHRH (também há no núcleo arqueado). O núcleo ventromedial é sensível às variações de glicose sanguínea, então diante de uma hipoglicemia, ele seria estimulado a liberar GHRH. É válido lembrar que o GH, cuja liberação é estimulada pelo GHRH, tem como um de seus efeitos conservar a glicose sanguínea e recorrer a outras vias metabólicas para produção de substratos destinados ao metabolismo energético (lipólise). No caso de hipoglicemia, estímulos no núcleo ventromedial levariam à sensação de fome
Qual o tipo de receptor para o GHRH nos somatotropos? Receptor de membrana do tipo metabotrópico associado à proteína Gs (ativa adenilato ciclase, aumenta AMPc e ativa PKA que fosforila estruturas celulares)
Somatostatina inibe liberação de GH. Fármacos tipo SST seriam eficazes na acromegalia? Sim. A acromegalia se deve à liberação excessiva de GH após a puberdade, causando o crescimento acima do normal de membros e órgãos, como por exemplo mãos e língua. Usar fármacos agonistas à SST inibiria liberação de GH.
Quais fatores, além da SST, inibem/reduzem a liberação de GH? Obesidade, envelhecimento, sedentarismo, sono de má qualidade, hiperglicemia, altos níveis de ácidos graxos no sangue. Por mecanismos de feedback, o IGF-1 - em altas concentrações - estimula a liberação de SST (alça longa) e também inibe a secreção do GH por mecanismo de feedback negativo alça longa. O próprio GH também inibe a secreção de GHRH (feedback negativo alça curta)
Na hipófise posterior ocorre liberação de quais hormônios? Ocitocina e vasopressina (ADH ou hormônio antidiurético)
Onde esses hormônios são formados no hipotálamo? Ocitocina - neurônios magnocelulares do núcleo paraventricular ADH - neurônios magnocelulares do núcleo supraóptico
Onde estão presentes receptores V1 para o ADH? E os receptores V2? Vasos sanguíneos Néfrons (especificamente nos túbulos contorcidos distais finais e túbulos coletores)
o ADH, em vasos sanguíneos, tem efeito vasoconstritor ou vasodilatador? Vasoconstritor
Qual o mecanismo utilizado pelo receptor V1? Associado à proteína Gq, que ativa PLC a converter PIP2 em IP3 e DAG. IP3 estimula liberação de Ca2+ do RS enquanto que a DAG (bem como o próprio Ca2+) atua ativando a PKC que fosforila canais de influxo de cálcio. O aumento de cálcio intracelular provoca ativação de complexos cálcio-calmodulina necessários para ativar a miosina quinase da cadeia leve (MLCK), responsável por fosforilar a cadeia leve de miosina permitindo que esta molécula se associe aos miofilamentos de actina e permita a contração. Mesmo com a diminuição da concentração de cálcio intracelular, a contração tônica ainda existirá. É preciso que seja ativada a miosina fosfatase, que irá desfosforilar a cadeia leve da miosina e gerar o estado de relaxamento (quebra das pontes cruzadas entre miosina e actina)
O que ativa a miosina fosfatase? Aumento de GMPc. Quando chega óxido nítrico ou ANP (peptídeo natriurético atrial) no músculo liso dos vasos, eles são recepcionados por receptores associados a guanilil-ciclase, a qual converte GTP em GMPc. Há proteínas cinases dependentes de GMPc que ativam a miosina fosfatase, a qual desfosforila a cadeia leve de miosina e quebra as pontes cruzadas entre miosina-actina e permite estado de relaxamento
Como age o ADH nos receptores V2? O receptor V2 é do tipo metabotrópico associado à Gs. A PKA ativada fosforila aquaporinas 2 que migram então para a membrana luminal dos túbulos contorcidos distais finais e túbulos coletores, aumentando a reabsorção de água que incrementa a volemia
Em resumo, o ADH aumenta a pressão sanguínea de duas formas - incrementando a __________________ através da reabsorção de água nos néfrons (receptor _______ acoplado a ________) e também por ____________ dos vasos sanguíneos (receptor ____________ associado a __________) Volemia V2 Gs Vasoconstrição V1 Gq
A ocitocina tem quais funções no útero? Provoca contração uterina durante o parto
Ocitocina exógena é abortiva? Não, pois é preciso outros fatores para que ela possa atuar como abortivo. Um deles é a dilatação prévia
A ocitocina tem quais funções sobre a mama? Ejeção de leite (auxilia na contração das células mioepiteliais que circundam os alvéolos mamários)
Qual mecanismo é utilizado pela ocitocina na contração? Receptor metabotrópico associado a Gq
A ocitocina causa a produção do leite? Não. Essa é uma função da prolactina
Como ocorre o reflexo da amamentação? O bebê, ao sugar os mamilos com a boca, estimula mecanorreceptores que enviam informações sensoriais ao hipotálamo, especialmente ao núcleo paraventricular, para que os neurônios magnocelulares produzam e liberem, na hipófise posterior, a ocitocina. Da hipófise posterior, a ocitocina armazenada é então liberada no sangue e rapidamente chega até as células mioepiteliais que circundam os alvéolos mamários, provocando a contração delas (receptor metabotrópico associado a Gq) e ejeção do leite. O bebê, ao sentir o leite na boca, continua a sucção. Isso configura um mecanismo de feedback positivo, pois quanto maior a sucção, mais ocitocina é liberada já que mais estímulos são enviados ao hipotálamo e hipófise posterior
Show full summary Hide full summary

Similar

Anatomia e Fisiologia do Aparelho Urinário Humano
Ana Inês Kruecck Quintas
Anatomia e Fisiologia do Sistema Reprodutor Feminino
Ana Inês Kruecck Quintas
Sistema Cardiovascular: Artérias, Veias e Capilares
Natália Abitbol
Anatomia: sistema esquelético I
Natália Abitbol
Processo de Cicatrização
Letícia Silva
Anatomia Artérias
Filipe Brito
Regras NBRs
Maria Clara Oliveira
Anatomia membro inferior - Ossos, acidentes e movimentos
vitorstoco
SIMULADO - Casos Clínicos
Rodrigo Gouvea
AVALIAÇÃO TEÓRICA 13 DE MARÇO
Residencia CM HBDF
Escala de Coma de Glasgow
Vanessa Palauro