Revoltas Regenciais

Description

Sabinada, Cabanagem, Farroupilha, Revolta dos Malês e Balaiada
Giovanna Paz Soares Santos
Flashcards by Giovanna Paz Soares Santos, updated more than 1 year ago
Giovanna Paz Soares Santos
Created by Giovanna Paz Soares Santos about 3 years ago
19
0

Resource summary

Question Answer
Cabanagem Pará Iniciou-se com a elite aristocrática mas depois quem dominou foram as camadas populares Reivindicavam uma maior autonomia provincial, melhores condições de vida (grave crise política - distância do centro), retirada dos privilégios dos portugueses no comércio das drogas do sertão, que eram sua principal fonte de renda. Informação da questão da UFU: Exploração sofrida pelos trabalhadores que estavam submetidos a um regime de trabalho de semiescravidão. Esses foram violentamente reprimidos e aproximadamente 30 mil pessoas morreram assassinadas por tropas imperiais e incêndios.
Revolta dos Malês Salvador Realizada por negros escravizados e muçulmanos libertos (a religião predominante na África, que precisaram reprimir aqui no Brasil) Grave crise econômica, eram contra a intolerância religiosa e a favor da abolição da escravatura Buscavam mobilizar tanto escravizados quanto libertos
Sabinada Bahia Buscavam autonomia provincial (queriam estabelecer uma republica na Bahia até a maioridade de Dom Pedro) Movimento associado com a crise agrícola, elevadas tributações e o recrutamento forçado dos baianos para lutarem na revolta da Farroupilha juntamente ao governo monárquico Conseguiram instalar a república, mas foi temporária
Balaiada Maranhão A sociedade maranhense era formado por bem-ti-vis (camadas populares) e cabanos (elite local formada por comerciantes portugueses e a elite aristocrática As camadas populares se revoltaram contra esse autonomia do poder local O movimento teve seu estopim com a Lei dos Prefeitos (prefeitos usariam seus poderes para combater os opositores) Se espalhou pelo interior e ganhou um novo grupo, os balaios, que tinham ambições diferentes mas se juntaram a contra a elite aristocrática O grupo se manifestava contra a polícia, contra a miséria, contra o poder político e contra os portugueses. Balaios dominavam em Caxias Pediram a anulação da Lei dos Prefeitos e a liberdade dos rebelados Os dois grupos começaram a se afastar e os balaios foram derrotados ao abaixarem suas armas com uma proposta de anistia para os rebelados O movimento sucumbiu devido à sua desorganização e da atuação de forças imperiais
Farroupilha ou Guerra dos Farrapos Sul do país Queriam a diminuição dos impostos de sua carne, aumento dos impostos sobre o charque vindo do Uruguai que chegava muito mais barato no Brasil (comparado a sua carne), diminuição do preço do sal, autonomia provincial Movimento liderado pela elite (estancieiros e charqueadores) O que conheceu foi o aumento dos impostos Implementação da República Rio-Grandense no Rio Grande do Sul (movimento se espalhou até chegar em Porto Alegre) e da República Juliana (em Santa Catarina - movimento se espalhou até lá também) Falaram que voltariam a ser anexados ao. Rádio quando a federação fosse instalada Conflito terminado com um acordo entre os revoltosos e o Barão que deveria ir até o local amenizar os conflitos Os demais conflitos foram amenizados com prisões, exílios, mortes...mas como era a elite foi pacífico Líderes do movimento eram Bento Gonçalves, Giuseppe Garibaldi e David Canabarro Terminou e conseguiram a maioria de suas propostas - aumento dos impostos no charque cisplatino, diminuicaodos seus impostos, incorporação dos oficias dos farroupilhas no Exército
Show full summary Hide full summary

Similar

Projeto Med 2015: História e Geografia
elisacoltro
2º Guerra Mundial
João Gabriel
História do Brasil - Período Colonial
alessandra
Períodos da História do Brasil
GoConqr suporte .
A CIVILIZAÇÃO ROMANA
Lucas Villar
Mercantilismo
Professor Junior
Brasil: Primeiro Reinado e Período Regencial
Professor Junior
SEGUNDO REINADO
Lucas Villar
Feudalismo
Malu Miralha
Hebreus, Fenícios e Persas
Júlia Flores
República Velha
Vitor Gomes