A WEBQUEST COMO ATIVIDADE DIDÁTICA POTENCILIZADORA DA EDUCAÇÃO

Andrea Domingos
Mind Map by Andrea Domingos, updated more than 1 year ago
Andrea Domingos
Created by Andrea Domingos over 1 year ago
1
0

Description

Mind Map on A WEBQUEST COMO ATIVIDADE DIDÁTICA POTENCILIZADORA DA EDUCAÇÃO, created by Andrea Domingos on 11/28/2019.

Resource summary

A WEBQUEST COMO ATIVIDADE DIDÁTICA POTENCILIZADORA DA EDUCAÇÃO
  1. O termo novas tecnologias é muito bem definido por Mazeto
    1. “denominamos novas tecnologias aquelas que estão vinculadas ao uso do computador, à informática, à telemática e à educação à distância”.
      1. educadores cada vez mais habilitados e familiarizados com as novas tecnologias
        1. Trabalha de forma lúdica, dinâmica e atrativa,
          1. recursos tecnológicos
            1. mediação pedagógica
              1. metodologia disponível
                1. pensa de forma crítica e reflexiva sobre quais metodologias utilizar
                  1. tecnologias de informação e comunicação
                    1. permite a abertura de um mundo de possibilidades
                      1. “as tecnologias de comunicação não mudam necessariamente a relação pedagógica. As tecnologias tanto servem para reforçar uma visão conservadora individualista como uma visão progressista”
                        1. (...) confiar no aluno; acreditar que ele é capaz de assumir a responsabilidade
                          1. todos esses comportamentos exigem uma mudança de mentalidades, de valores e de atitudes de nossa parte.
                            1. Essa mudança de valores, mentalidade e atitudes não é simples, mas é fundamental.
                              1. Em meio a todas as novas tecnologias uma metodologia muito interessante é a Webquest (WQ). Esse termo foi concebido pelo professor Bernie Dodge em 1995. A proposta metodológica é a de uma atividade orientada e investigativa
                                1. “aprendizagens significativas são resultados de atos de cooperação, as WQs estão baseadas na convicção de que aprendemos mais e melhor com os outros do que sozinhos.”
                                  1. aprendemos melhor com os outros do que sozinhos
                                    1. Webquest permitem aos alunos o trabalho em grupo e a troca de saberes entre os participantes
                                      1. aprendizagem significativa
                                        1. oportunizar um AVA criativo, significativo e adequado para a utilização da internet
                                          1. A Webquest é uma atividade didática estruturada de forma que os alunos se envolvam no desenvolvimento de uma tarefa
                                            1. “A tecnologia Webquest é sustentada por teorias psicopedagógicas, podendo ser caracterizada como técnica de aprendizagem construtivista, que pode ser utilizada em um ambiente construcionista”.
                                              1. “A tecnologia Webquest é sustentada por teorias psicopedagógicas, podendo ser caracterizada como técnica de aprendizagem construtivista, que pode ser utilizada em um ambiente construcionista”.
                                                1. Introdução: critérios devem estar claramente estabelecidos e de acordo com os seus objetivos
                                                  1. Tarefa: a tarefa1 evoca uma ação, o que é para fazer.
                                                    1. Processo: descreve como os alunos irão caminhar para desenvolver a Tarefa e orientá-lo no procedimento fazem parte das informações que precisam estar presentes no Processo e nos Recursos.
                                                      1. Avaliação: deve apresentar aos alunos, com clareza, como o resultado da Tarefa será avaliado e que fatores serão considerados indicativos de que ela foi concluída com sucesso. Tais critérios devem estar claramente estabelecidos e de acordo com os seus objetivos.
                                                        1. Conclusão: a conclusão resume o propósito geral do que foi aprendido e sinaliza como o aluno poderá continuar a estudar o assunto.
                                                          1. Créditos: estes podem trazer referências aos autores da Webquest, escola em que foi elaborada, nível de escolaridade ou faixa etária a quem se destina, fontes das figuras ou textos utilizados, data da elaboração ou atualização e outras informações que possam ser úteis a quem for utilizá-la.
                                                            1. Alguns passos para elaboração de uma Webquest
                                                              1. Planejar - O planejamento é o aspecto pedagógico da elaboração. É o momento de definir o conteúdo da webquest.
                                                                1. Formatar - A formatação é o aspecto editorial da elaboração. É o momento de inserir o conteúdo (definido na etapa de planejamento) num gabarito que contém as seções típicas de uma WQ: Introdução, Tarefa, Processo, fontes de informação, Avaliação, Conclusão. Nessa etapa, vale incluir imagens, revisar e dar acabamento na webquest.
                                                                  1. Publicar - Publicar significa pôr a webquest no ar. É o momento de tomar as providências técnicas para que a webquest possa ser acessada e utilizada pelas pessoas, na Internet.
                                                                    1. Um roteiro de 9 passos, que abrange as três etapas descritas acima: Defina o tema; selecione as fontes de informação; delinear a Tarefa; estruturar o Processo; escrever a Introdução; escrever a Conclusão; insira o conteúdo no gabarito; faça os acertos finais; publique a webquest; consultar seções da WQ para ver as partes constituintes de uma Webquest. Todos esses passos são fundamentais para que se construa uma Webquest de qualidade.
                        2. Alunas: Andrea Cristina Sartori Domingos e Stefani Santana
                          Show full summary Hide full summary

                          Similar

                          'The Merchant of Venice' - William Shakespeare
                          cian.buckley
                          Italian: Basics
                          Selam H
                          Characters in Lord of the Flies
                          lowri_luxton
                          FREQUENCY TABLES: MODE, MEDIAN AND MEAN
                          Elliot O'Leary
                          Enzymes and Respiration
                          I Turner
                          Using GoConqr to teach science
                          Sarah Egan
                          Salesforce Admin 201 Exam Chunk 5 (126-155)
                          Brianne Wright
                          preguntas y respuestas
                          Stevens Guzman
                          mi mapa conceptual
                          Mónica Zetina
                          mi mapa conceptual
                          Andrea Agudelo
                          FUSIÒN DE SOCIEDADES MERCANTILES
                          carlos ramirez