EQUILÍBRIO QUÍMICO

Yani
Mind Map by Yani , updated more than 1 year ago
Yani
Created by Yani over 6 years ago
227
10

Description

Ensino Médio Química Mind Map on EQUILÍBRIO QUÍMICO, created by Yani on 09/24/2013.
Tags

Resource summary

EQUILÍBRIO QUÍMICO
1 tem que ocorrer
1.1 Reação Reversível
1.1.1 se não ocorrer modificações, essas reações não chegarão ao final
1.1.2 ocorre simultaneamente nos dois sentidos
1.1.2.1 reação direta
1.1.2.1.1 sentido dos produtos
1.1.2.2 reação inversa
1.1.2.2.1 sentido dos reagentes
1.1.3 Ao mesmo tempo, os reagentes se transformam em produtos e os produtos se transformam em reagentes.
1.1.4 a quantidade dos participantes não se alteram
1.1.5 a concentração se mantém constante
1.1.6 No início, v1 (reação direta) é o máximo porque as concentrações de A e B apresentam valores máximos
1.1.6.1 diminui
1.1.7 v2 (reação inversa) é igual a zero, porque C e D ainda não foram formados.
1.1.7.1 aumenta
2 Equilíbrio Homogêneo
2.1 todas as substâncias estão na mesma fase (estado físico).
3 Equilíbrio Heterogêneo
3.1 substâncias estão em fases diferentes
4 Deslocamento do Equilíbrio Químico
4.1 Le Chatelier
4.1.1 "Quando um sistema está em equilíbrio e sofre alguma perturbação, seja ela por variação de pressão, de concentração de algum dos reagentes ou dos produtos, ou pela variação da temperatura, o sistema tenderá a retornar o estado de equilíbrio, a partir da diminuição do efeito provocado pela perturbação."
4.2 alteração da velocidade da reação direta ou da reação inversa, causando modificações nas concentrações das substâncias e levando o sistema a um novo estado de equilíbrio químico.
4.3 Estas modificações podem beneficiar a reação em um dos sentidos
4.3.1 O favorecimento seria o lado em que o equilíbrio foi deslocado
4.3.1.1 aumentado assim a quantidade ou o rendimento do produto ou reagente
4.3.1.2 reação direta aumenta é porque o equilíbrio está se deslocando para a direita, + produtos
4.3.1.3 reação inversa aumenta é porque o equilíbrio está se deslocando para a esquerda, + reagentes
4.4 Concentração
4.4.1 Durante as modificações, os valores de todas as concentrações são alteradas, porém o valor de KC mantém-se o mesmo
4.4.2 Não pode alterar a concentração de
4.4.2.1 sólido
4.4.2.2 líquido puro que esteja agindo como solvente
4.4.3 Reagentes
4.4.3.1 aumenta a concentração
4.4.3.1.1 a reação precisa produzir mais quantidade de produto
4.4.3.1.1.1 desloca-se para a direita
4.4.3.2 diminui a concentração
4.4.3.2.1 a reação precisa produzir mais quantidade do próprio reagente
4.4.3.2.1.1 desloca-se para a esquerda
4.4.4 Produtos
4.4.4.1 aumenta a concentração
4.4.4.1.1 , a reação precisa produzir mais quantidade de reagente
4.4.4.1.1.1 desloca-se para a esquerda
4.4.4.2 diminui a concentração
4.4.4.2.1 a reação precisa produzir mais quantidade do próprio produto
4.4.4.2.1.1 desloca-se para a direita
4.5 Pressão
4.5.1 Tem que ter pelo menos um substancia gasosa
4.5.2 A pressão de um gás está associada ao volume deste gás
4.5.2.1 Volume seria igual ao coeficiente estequiométrico
4.5.3 não há modificação no valor da KC.
4.5.4 Aumento da pressão
4.5.4.1 EXPANSÃO
4.5.4.1.1 EQ para lado com menor volume
4.5.5 Diminuição da pressão
4.5.5.1 CONTRAÇÃO
4.5.5.1.1 EQ para lado com maior volume
4.5.6 mesmo volume
4.5.6.1 não altera
4.6 Temperatura
4.6.1 pode modificar o valor da KC
4.6.2 aumento da temperatura
4.6.2.1 beneficia a reação endotérmica
4.6.3 diminuição da temperatura
4.6.3.1 beneficia a reação exotérmica
4.7 Íon Comum
4.7.1 adição de HCl(aq)
4.7.1.1 o ácido HCl se ioniza formando o íon cátion H+(aq). Provoca, portanto o aumento da concentração deste íon no sistema. Desloca o equilíbrio para a direita, até consumir o exceso adicionado. O íon H+(aq) é o íon comum ao sistema.
4.7.2 adição de NaOH
4.7.2.1 a base NaOH se dissocia formando o íon ânion OH-(aq) que reage com o cátion H+(aq), provocando a formação de água e diminuindo a concentração de H+(aq). Desloca o equilíbrio para a esquerda para repor a quantidade removida deste íon. O íon OH-(aq) é o íon não-comum ao equilíbrio.
4.7.3 Constante de ionizaçao
4.7.3.1 Ka
4.7.3.2 quanto maior, maior a força do ácido, ou seja maior a capacidade de liberar H+
4.7.3.3 seve pases tambemara b
4.8 Aplicações
4.8.1 Óculos
4.8.1.1 As lentes de alguns óculos mudam de cor conforme a intensidade luminosa
4.8.1.2 O cloreto de prata (AgCl), quando na lente, dá uma aparência clara para a mesma, já a prata metálica (Ag), quando é formada na lente dá uma aparência escura à lente.
4.8.1.2.1 se aumentar a claridade, na lente o equilíbrio deslocará para o lado da formação do Ag elementar que é escuro (na lente). Quando se diminui a intensidade luminosa na lente ocorre o favorecimento da reação inversa, ou seja, a diminuição da sensação escura.
4.8.2 Sangue:
4.8.2.1 CO2 + H2O → H1+ + (HCO3)1-
4.8.2.1.1 reação reversível que acontece no
4.8.2.1.2 Quando alguém, numa crise de ansiedade ou de histeria, respira de modo ofegante, os pulmões perdem muito CO2.
4.8.2.1.2.1 equilíbrio, então, é deslocado para a esquerda, consumindo os íons H1+
4.8.2.1.2.1.1 pH sube a aproximadamente 7,7 em poucos minutos (alcalose sanguínea)
4.8.2.1.2.1.1.1 injetar uma solução ácida(cloreto de amônio (NH4Cl)) no sangue do paciente.
4.8.2.2 Ph normal do sangue: entre 7,35 e 7,45
4.8.2.2.1 qualquer mudança de 0,4 é fatal
4.8.3 Refrigerante
4.8.3.1 reação reversível de decomposição do ácido carbônico
4.8.3.1.1 estado de equilíbrio, que sofre influência pelo aumento de temperatura, pela pressão e também pela concentração.
4.8.3.1.1.1 Quando abrimos uma garrafa de refrigerante, ocorre uma diminuição da pressão no interior do sistema (garrafa de refrigerante), ocorrendo um deslocamento do equilíbrio para o lado de maior número de mol gasosos, ou seja, o lado dos produtos
4.8.3.1.1.2 caso coloquemos um pouco de refrigerante para aquecer em um recipiente adequado, ocorrerá a liberação de gases (esta reação é endotérmica), assim como no caso em que abrimos a garrafa de refrigerante, ou seja, o gás liberado é o gás carbônico, CO2.
4.8.3.1.1.3 gera modificação no seu gosto.
5 Constante de Equilíbrio
5.1 só devem ser expressas as concentrações de componentes gasosos e em solução aquosa, que são as concentrações que sofrem variações
5.1.1 os sólidos e os líquidos puros não são escritos
5.2 a A + b B ↔ c C + d D
5.3 expressa em (mol/L)x onde x é o resultado aritmético da expressão das letras minúsculas (c+d-a-b).
5.4 Quanto maior o valor de Kc
5.4.1 maior a quantidade de produto
5.4.2 maior rendimento
5.4.2.1 quantidade em mols que reagiu até atingir i equilíbrio
5.4.2.2 quantidade em mols inicial do reagente
5.4.3 mais favorecida
5.4.4 mais espontânea
5.5 O valor numérico de Kc depende de como é escrita a equação química
5.6 não depende da concentração inicial dos reagentes e produtos
5.6.1 depende da temperatura
Show full summary Hide full summary

Similar

REAÇÕES QUÍMICAS
alessandra
Dicionário de Química
Alessandra S.
Princípios da Química
GoConqr suporte .
Plano de estudos ENEM - Parte 2 *Exatas/Biológicas
GoConqr suporte .
PROPRIEDADES COLIGATIVAS
Yani
TERMOQUÍMICA
Yani
CINÉTICA QUÍMICA
Yani
Molaridade
Alessandra S.
Classificação Periódica dos Elementos
Mariana Nogueira
Endotérmico ou Exotérmico?
Andrea Borges
GEOMETRIA MOLECULAR
Yani