PREVISÃO DE DEMANDA

Kátia Grillo
Mind Map by Kátia Grillo, updated more than 1 year ago
Kátia Grillo
Created by Kátia Grillo over 4 years ago
26
0

Description

Mapa mental sobre previsão de demanda em estoques.
Tags

Resource summary

PREVISÃO DE DEMANDA
1 DETERMINA NÍVEIS DE ESTOQUE E CUSTOS
1.1 BASEADO EM CONSUMO FUTURO
1.1.1 NÃO HÁ TOTAL CERTEZA E GARANTIA
1.2 MATÉRIAS-PRIMAS, MÃO DE OBRA, MÁQUINAS...
2 TEMA DE LOGÍSTICA
3 DIFERENÇA TEMPORAL ENTRE FABRICAÇÃO E CONSUMO
3.1 NECESSIDADE DE ESTOQUES
3.1.1 NOS PONTOS DE VENDAS , DEMANDAS FUTURAS
3.1.2 NOS ALMOXARIFADOS, DEMANDA DE PRODUÇÃO
3.1.3 DEMANDA DEPENDENTE
3.1.3.1 COMPONENTE DE UM ITEM DE DEMANDA INDEPENDENTE, EX RODAS NUMA MONTADORA
3.1.4 DEMANDA INDEPENDENTE
3.1.4.1 ITEM DIRETO AO CONSUMIDOR, EX RODA NUMA AUTO-PEÇAS
4 ONDE, QUANTO E QUANDO.
5 INFORMAÇÕES
5.1 USUÁRIOS
6 MÉTODOS DE PREVISÃO
6.1 MÉTODO QUALITATIVO
6.1.1 MENOR PRECISÃO
6.1.2 PEQUENAS E MÉDIAS EMPRESAS
6.1.3 BASEADO EM JULGAMENTO DE ESPECIALISTAS ANTIGOS DA EMPRESA
6.1.3.1 NÃO HÁ DADOS HISTÓRICOS OU SÃO INSUFICIENTES
6.1.4 PESQUISA DE MERCADO
6.1.4.1 ENTREVISTAS DO CONSUMIDOR
6.1.4.2 CURTO HORIZONTE DE PROJEÇÃO
6.1.4.3 ERROS DE INTERPRETAÇÃO
6.1.4.3.1 MENOR CONFIABILIDADE
6.1.4.4 GRANDE QTDE DE DADOS
6.1.4.4.1 DEMORA E ALTO CUSTO
6.1.5 MÉTODO DELPHI
6.1.5.1 O MAIS USADO
6.1.5.2 QUESTIONÁRIOS RESPONDIDOS POR ESPECIALISTAS SEM CONTATO
6.1.5.2.1 SÃO ANALISADOS ATÉ A OBTENÇÃO DE UM CONSENSO
6.1.6 PAINEL DE ESPECIALISTAS
6.1.6.1 REUNIÕES DE ESPECIALISTAS
6.1.6.1.1 CUSTO E TEMPO MENORES DO QUE O DELPHI
6.1.6.1.1.1 RESULTADOS INFLUENCIADOS POR CARACTERÍSTICAS DOS PARTICIPANTES
6.1.7 ANALOGIA HISTÓRICA
6.1.7.1 ANÁLISE DE PRODUTO A SER LANÇADO COM UM EXISTENTE
6.1.7.1.1 DEMORADO
6.1.7.1.1.1 BAIXO CUSTO
6.1.7.1.1.1.1 PRECISÃO RAZOÁVEL MÉDIO E LONGO PRAZOS
6.2 MÉTODO QUANTITATIVO
6.2.1 BASEADO EM ESTATÍSTICA
6.2.1.1 IDENTIFICA PADRÕES DE CONSUMO EM DADOS HISTÓRICOS
6.2.1.1.1 MAIS ACEITO
6.2.2 2 TIPOS:
6.2.2.1 SÉRIES TEMPORAIS
6.2.2.1.1 CRENÇA DE QUE PADRÕES DE CONSUMO DO PASSADO SE REPETIRÃO NO FUTURO
6.2.2.1.1.1 IDEAL PARA CURTO PRAZO
6.2.2.1.2 MÉDIA MÓVEL SIMPLES
6.2.2.1.2.1 PARA CURTO PRAZO
6.2.2.1.2.2 SEM SAZONALIDADE
6.2.2.1.2.3 SOMA-SE AS DEMANDAS ANTERIORES DE UM CERTO PERÍODO, POR EX. 5 MESES, DIVIDE-SE PELA QTDE DE MESES.
6.2.2.1.3 MÉDIA MÓVEL PONDERADA
6.2.2.1.3.1 VARIAÇÃO DO MÉTODO ANTERIOR
6.2.2.1.4 SUAVIZAÇÃO EXPONENCIAL
6.2.2.1.4.1 USA DADOS PONTUAIS MAIS RECENTES
6.2.2.1.4.1.1 ESSES DADOS DEVEM TER MAIOR PESO QUE VAI DECLINANDO EXPONENCIALMENTE À MEDIDA QUE SE TORNAM ULTRAPASSADOS
6.2.2.2 MÉTODOS CAUSAIS
6.2.2.2.1 ANALISAM RELACIONAMENTOS COM OUTRAS VARIÁVEIS (FATORES INTERNOS E EXTERNOS)
7 ERROS NAS PREVISÕES
7.1 DIFERENÇA ENTRE DEMANDA PREVISTA E REAL
7.2 COMO EVITAR
7.2.1 IDENTIFICAR FALHAS NA INCLUSÃO DE VALORES
7.2.2 RELACIONAR VARIÁVEIS CORRETAMENTE
7.2.3 EMPREGAR LINHA DE TENDÊNCIA CORRETA
8 PREVISÃO DE SAZONALIDADE
8.1 ESTIMATIVA DE DEMANDA POR CERTO PERÍODO COM RELAÇÃO A DEMANDA MÉDIA
8.2 DIÁRIO, SEMANAL, MENSAL...
8.3 DETERMINA ÍNDICES SAZONAIS
Show full summary Hide full summary

Similar

Abordagens de Gestão
sa.sousa
Gestão por Competências
alexrocksilva
Gestão por resultados, Competências e Desempenho
emerguy
Gestão de Controladoria
Eduardo Larica Wanderley
SISTEMAS DE CONTROLE DOS NÍVEIS DE ESTOQUES
Kátia Grillo
Contextualização da Aula 3 - Gestão - Administração da Carreira Profissional
Fabrícia Pantoja
Empreendedorismo - Contextualização da disciplina - Gestão
Ana Roberta Andrade
Contextualização da disciplina - Gestão - Administração da Carreira Profissional
Fabrícia Pantoja
Contextualização da Aula 1- Gestão - Administração da Carreira Profissional
Fabrícia Pantoja
Apresentação da aula 02 - Gestão
Ana Roberta Andrade
Contextualização da Aula 1 - Diversos - Administração da Carreira Profissional
Emmanuela Pimenta