Banco de Dados

maria.aliny18
Note by , created almost 6 years ago

Revisão para a prova

755
2
0
Tags No tags specified
maria.aliny18
Created by maria.aliny18 almost 6 years ago
Banco de dados III - Modelos de Dados II
Bianca Kaiser
Apresentação sobre Banco de Dados
Suéllen Martinelli
Tipos de relacionamento
Philip Rodrigues
Dier (Onderdeel plant&dier toets)
samanthabirdsall
MATTERS OF LIFE AND DEATH - UNIT 1, SECTION 2 - RELIGIOUS STUDIES GCSE EDEXCEL
Khadijah Mohammed
Banco de Dados
talyson.milan
Banco de dados e SGBD
bruno de assis
NORMALIZAÇÃO BANCO DE DADOS
Cristiano Gonçalves
Normalização de Banco de Dados
Domingos Bernardo
Modelagem de Banco de Dados
Júnio Rocha

Page 1

Definição::É um software que faz o armazenamento de dados inter-relacionados, para poderem ser usados na posteriodade

Modelo Conceitual - definir entidades e relacionamentos através de fluxogramas Modelo Lógico - já usa o SGBD; define chaves primárias, estrangeiras Modelo Físico - armazenar e manipular dados

Tipos de BDBD RelacionalBD orientado à objetos

SGBD - é o software que gerencia o BD, como o Mysql

Abstração de Dados::É importante para organizar, dividir as tarefas, mostrar para o usuário final, somente o necessário;Nível de visão do usuário - é a parte q o usuário tem acesso; dependendo dos suas permissões Nível Conceitual - define os dados e o relacionamento entre eles; Nível Físico - define como os dados estão armazenados

NoSql não utilizam esquema relacional. São facilmente replicados. Priorizam o armazenamento de grandes volumes de dados em detrimento da manutenção da consistência. 

Definição ::É um modelo conceitual à partir do qual o BD pode ser modelado; por meio de fluxogramas, definir entidades, atributis, e relacionamentos.

Etapas de Criação de BD

Entidade - é um objeto no mundo real (tabelas no físico) Atributo - características da entidade (campos no físico) Relacionamento - e como as entidades que tem ligação se comunicam

* Atributos * simples composto multivalorado chave

* Relacionamentos * um para um um para muitos muitos para muitos

retângulos: representam os conjuntos de entidades; elipses: representam os atributos; losangos: representam os conjuntos de relacionamentos; linhas: unem os atributos aos conjuntos de entidades e os conjuntos de entidades aos conjuntos de relacionamentos; elipses duplas: atributos multivalorados.

Definição :: é feito com uma ferramenta (software) ; transição do MER, desenvolve as relações (tabelas),  e os outros (atributo, relacionamento e tals)

Componentes :: Tabelas Atributos    Domínio Tuplas

Domínios mais comuns:: varchar int date decimal

Chave primária - e atributo principal para indentificar cada dado do BD unicamente;Chave estrangeira - representa esse dados unico em outras tabelas com quem tem relação

Dicionário de Dadosé bom para guardar informações das tabelas, atributos, relações, colocando o que fazem, tipo, essas coisas...

TabelasNome: ProjetoDescrição: Qualquer projeto realizado por empregados da empresaAtributo chave: NúmeroOutros atributos: Nome e localização

AtributosNome: LocalizaçãoTabela: ProjetoDescrição: Armazena onde o projeto está sendo executadoTipo: CaractereRestrição: Nenhuma

Anomalia de inserção::ocorre qndo um dado q deveria ser igual em diferentes casos, ficam com valores diferentes

O que é ?é tipo uma revisão pra ver se seu Bd tem problemas ou tá dentro dos conformes

Anomalia de remoção::é quando dados são removidos e levam consigo informações de outros dados que não deveriam estar juntos - cada um no quadrado 

o objetivo da normalização é remover a duplicação de dados e, consequentemente, minimizar a redundância.

Anomalia de atualização::ao atualizar um dado nas outros lugares em q está presente não atualiza

1ª forma normal::só rola se todos os atributos tiverem apenas dados atomicos ou seja, um valor por tupla 

pra resolver: faz uma tabela para os atributos multivalorados

3ª forma normal::fora os atributos não primaria, os outros tem que puder ser conseguido so com a chave primaria

pra resolver: criar outra tabela pra esses dados, e fazer ligação com a tabela velha

2ª forma normal::cri cri

Definição::Linguagem de Consulta Estruturada, é a linguagem, códigos, progamação, para o acesso aos bds, e aos dados, e talsÉ um padrão geral usada por todos declarado pela AnSI

Palavras-Chave DML - pra manipular; insert, delet, update DDL - para definir; create e drop DCL - saber quem pode mexer; grant e revoke DTL - pra transações (ñ vimos) DQL - pra consultar; selext

SGBDusamos o Mysql

Algoritmos SQL

Create table nome (atributo tipo, atributo tipo);INSERT INTO nome (atributo1, atributo2, ...)           VALUES (valor1, valor2, ...);UPDATE nome_da_tabelaSET atributo = valorWHERE condição DELETE FROM nome_da_tabelaWHERE condição;DROP TABLE  nome_da_tabela;

Alteração de TabelasCrossjoin - pra juntar duas tabelas na pesquisa mas eu rpefiro usar virgula ;;Codigos::ALTER TABLE nome_da_tabela ADD coluna tipo FIRST;  NO MYSQL SO E PERMITIDO FIRAT E AFTER



VisõesSão consultas select para facil consultaCREATE VIEW nome_da_visão AS             SELECT  atributo1, atributo2, ...             FROM nome_da_tabela1, nome_da_tabela2, ...             WHERE condição;

Introdução

MER

Modelo Relacional

Normalização

Sql