Substância pura VS Mistura

Victor Camargo Araujo
Mind Map by Victor Camargo Araujo, updated more than 1 year ago
Victor Camargo Araujo
Created by Victor Camargo Araujo about 6 years ago
9
1

Description

Mind Map on Substância pura VS Mistura, created by Victor Camargo Araujo on 08/19/2015.

Resource summary

Substância pura VS Mistura
  1. Substâncias puras
    1. Simples
      1. Possui apenas um tipo de átomo em sua composição
        1. H2; O2; O3; N2; Cgrafite; Cdiamante...
        2. Alotropia
          1. Quando um elemento é capaz de gerar mais de um tipo de substância simples dizemos que tais substancias são alotrópicas
            1. O2 e O3
              1. Cgraf.; Cdiam; Cfulereno; Ccarvão
                1. S8(rômbico); S8(monoclínico)
                  1. P4 (fósforo branco); Pn (fósforo vermelho)
              2. Composta
                1. Possui mais de um tipo de átomo em sua composição
                  1. H2O; CO2; NH3; H2S; HCN...
                2. Considera-se uma substância pura quando no sistema só há um tipo de composto. TODA E QUALQUER substância pura possui tanto a temperatura de fusão quanto a de ebulição constantes
                3. Misturas
                  1. Homogêneas ou soluções
                    1. Possui apenas uma fase visível, não sendo possível distinguir os componentes da mistura
                      1. Podem ser
                        1. SÓLIDAS: Bronze; latão...
                          1. LÍQUIDAS: Água mineral; suco de laranja...
                            1. GASOSAS: Qualquer mistura de gases. O ar atmosférico serve de exemplo.
                          2. Heterogênea
                            1. Possui duas ou mais fases visíveis, sendo possível visualizar o espaço ocupado por uma substancia e o espaço ocupado pela outra
                              1. EXEMPLO: Derramamento de petróleo em água; sangue; granito; leite, água e gasolina...
                            2. É qualquer sistema formado por duas ou mais substâncias (sejam elas simples ou compostas). TODA E QUALQUER mistura terá variações nas temperaturas de mudança de fases.
                              1. ATENÇÃO PARA:
                                1. MISTURA EUTÉTICA: possui PF constante, mas PE variavel
                                  1. MISTURA AZEOTRÓPICA: possui PF variável e PE constante
                                2. É bom saber diferenciar
                                  1. FASE: Cada região diferenciavel do sistema estudado
                                    1. COMPONENTE: Seria cada substância presente no sistema
                                      1. SISTEMA: Leva em consideração tudo que é o foco do estudo
                                        1. Sistema homogêneo: possui apenas uma fase. Pode ser tanto uma substância pura (EX: água líquida) quanto uma mistura homogênea (EX: água com sal)
                                          1. Sistema heterogêneo: possui duas ou mais fases. Pode ser tanto uma substância pura (EX: água com gelo) quanto uma mistura heterogênea (EX: água e gasolina).
                                        2. Forças intermoleculares
                                          1. Diz respeito às forças de atração entre moléculas
                                            1. Tipos
                                              1. Ligação de hidrogênio
                                                1. Interação forte
                                                  1. Ocorre em moléculas polares cujo os polos estão localizados sobre F, O ou N (polo -) e H (polo +)
                                                    1. Ocorre em moléculas polares (H2O, NH3, HF, CH3COOH, ...)
                                                    2. Dipolo-dipolo (ou dipolo permanente)
                                                      1. Interações moderadas
                                                        1. Ocorre entre polos + e - de moléculas polares nas quais tais polos não sejam formados por F, O ou N e H
                                                          1. Ocorre em moléculas polares (H2S, CH3OCH3, CH3COCH3,...)
                                                          2. Dipolo induzido
                                                            1. Ocorre em moléculas apolares (óleo, gasolina, etc.)
                                                              1. Em moléculas apolares podem, mesmo que por um curto espaço de tempo, surgir pólos + e -. Estes pólos formados em uma molécula acabam induzindo a formação de pólos em moléculas vizinhas
                                                                1. Interações bem fracas
                                                              2. Quanto mais forte for a interação intermolecular, maior será a temperatura de ebulição. EXEMPLO: etanol (ligação de H; TE=77ºC); propanona (dipolo permanente; TE=56ºC); butano (dipolo induzido; TE=-1ºC)
                                                                1. Moléculas com interações intermoleculares muito distintas não são miscíveis entre si. EXEMPLO: água (ligação de hidrogênio) e gasolina (dipolo induzido)
                                                                Show full summary Hide full summary

                                                                Similar

                                                                Introdução Administração Pública
                                                                Carolina Fernanda Silva
                                                                ANATOMIA
                                                                flavio.paulo
                                                                Introdução ao Microsoft Word
                                                                Roberto Becker
                                                                SISTEMAS OPERACIONAIS
                                                                Hugo Deiró
                                                                Microeconomia - introdução
                                                                Luísa GT
                                                                O Arcadismo
                                                                SANDRA GOUVEIA
                                                                Introdução ao Arduíno
                                                                Marcelo Rocha9633
                                                                Lei 8.666/93 - Das Disposições Gerais - CAPITULO I
                                                                helison oliveira
                                                                SISTEMAS OPERACIONAIS
                                                                lorranz sousa
                                                                Sistema Computacional
                                                                profmarcelasantos
                                                                FUNDAMENTOS DA ADMINISTRAÇÃO
                                                                Beatriz Rayane